Podcast Tais Paranhos

terça-feira, maio 25, 2021

Teatro Estadual de Araras transmite sua programação física pela internet

 

A reabertura do Teatro Estadual Maestro Francisco Paulo Russo, conhecido como Teatro Estadual de Araras, vem ao encontro da celebração de seus 30 anos. Essa comemoração inclui um modelo de apresentações que deve ocorrer também nas próximas semanas: em um dia, apresentação de um espetáculo infantil e, no outro, de uma peça para adultos. Projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, o equipamento pertence à Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e é gerido pela Amigos da Arte.

A programação de reabertura é presencial, com capacidade limitada e respeitando todos procedimentos de segurança para evitar o contágio por Covid-19, e também online, com transmissão via Sympla Streaming, plataforma criada pela Sympla com o objetivo de criar soluções para a realização de eventos online. As duas modalidades são gratuitas.

Na semana de retomada das atividades, o espaço oferece duas opções de espetáculos: o stand-up Perco a namorada, mas não perco a piada, de Dinho Machado, no dia 29/5, sábado, 20h; e o infantil O Jogo do Folclore, da Evoé Cia de Teatro, no dia 30/5, domingo, às 11h.

O objetivo do Teatro Estadual de Araras é democratizar o acesso à cultura, já que pessoas de todo o mundo poderão prestigiar a programação do espaço via transmissão online. A iniciativa dialoga com outra ação da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo gerida pela Amigos da Arte: a plataforma #CulturaEmCasa, que oferece centenas de eventos artísticos de diversas naturezas, como dança, teatro, música e performance.

"É uma alegria poder reabrir o Teatro Estadual de Araras, em especial no ano em que ele comemora 30 anos de história. Dessa vez, além do público presencial, que será recebido com todos os protocolos sanitários exigidos, teremos a transmissão online dos espetáculos de forma gratuita, ampliando o alcance da arte e da cultura através da difusão", diz Danielle Nigromonte, diretora-geral da Amigos da Arte.

Programação:

Dinho Machado em Perco a namorada, mas não perco a piada


Sinopse: Dinho Machado se tornou um verdadeiro coach de relacionamento depois de dois casamentos, quatro namoros fracassados e outros milhares de foras. Em seu show, o artista compartilha sua experiência e histórias com o público com muito humor e música. Todo relacionamento tem uma trilha sonora e Dinho Machado traz ao seu show canções engraçadas que retratam a vida de quem vive, viveu ou viverá um relacionamento. Andréia, sua atual companheira, aproveita para expor o seu lado da história, com muita intriga e humor.

29 de maio de 2021, sábado, 20h
Gratuito
Exibição no teatro, presencialmente, e com transmissão pela plataforma Sympla
Duração: 60 minutos
Classificação etária: 14 anos
Capacidade 186 lugares (40% da capacidade total da sala)
Gênero: Stand-Up

O Jogo do Folclore - Evoé Cia de Teatro

Sinopse: O Jogo do Folclore é uma mistura de narrativas presentes nas lendas e mitos folclóricos. Tudo começa quando o domador de feras, também dono do circo,
precisa sair e deixa três palhaços responsáveis pelo espaço. Ao invés de
cuidar do circo, eles decidem olhar o que o domador guarda na sala secreta
protegida por Tibério, o Rei dos leões. Ao passarem pela porta, encontram uma
caixa com fantoches e tem a ideia de inventar um jogo, no qual cada palhaço
deverá contar uma história do folclore Brasileiro, utilizando os fantoches e o
que a imaginação permitir.

30 de maio de 2021, domingo, 11h.
Gratuito
Duração: 50 minutos
Exibição no teatro, presencialmente, e com transmissão pela plataforma Sympla
Classificação: A partir de 2 anos
Capacidade 186 lugares (40% da capacidade total da sala)
Gênero: Infantil

Sobre a Amigos da Arte
A Amigos da Arte, Organização Social de Cultura responsável pela gestão do Teatro Sérgio Cardoso, trabalha em parceria com o Governo do Estado de São Paulo e iniciativa privada desde 2004. Música, literatura, dança, teatro, circo e atividades de artes integradas fazem parte da atuação da Amigos da Arte, que tem como objetivo difundir a produção cultural por meio de festivais, programas continuados e da gestão de equipamentos culturais públicos como o Museu da Diversidade Sexual e o Teatro Estadual de Araras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário