Podcast Tais Paranhos

sábado, outubro 31, 2020

Emissão online de GTA viabiliza atividade pecuária durante pandemia

 

Com a emissão da guia de trânsito animal (GTA) via computador ou aplicativo de celular, o Governo de Pernambuco, por meio da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro), órgão vinculado À Secretaria de Desenvolvimento Agrário, viabiliza o transporte e a comercialização de animais em meio à pandemia sem que os produtores precisem se deslocar até os escritórios da Adagro.

Para emitir a guia de forma remota, o produtor deve fazer um pré-cadastro no Sistema Integração Agropecuária (Siapec 3), disponível no Portal da Adagro www.adagro.pe.gov.br/. Após a validação dos dados, é possível acessar o Siapec 3 também pelo aplicativo disponível em IOS e Android. A GTA é um documento obrigatório onde constam o destino, as condições sanitárias e a finalidade do transporte dos animais em todo o território nacional.

“Até setembro foram emitidas mais de 164 mil GTAs. A tecnologia foi a alternativa que encontramos para que a comercialização de animais não fosse tão afetada durante a pandemia”, enfatiza Paulo Roberto Lima, presidente da Adagro. Ele acrescenta que o Siapec 3 oferece diversos serviços, dentre eles, permissão de trânsito de vegetais (PTV), declaração de vacinação e declaração de nascimento e mortes de animais.

A novidade facilitou a vida de produtores como Edward Jack, proprietário da Fazenda Queimadas, em Timbaúba, na Mata Norte, onde cria aproximadamente 600 cabeças de gado. Ele não poupa elogios às facilidades proporcionadas pelo Siapec 3. “Utilizo todos os serviços disponíveis. Já fiz comunicação de morte de animal, valido GTA dos que recebo de outro estado e já emiti mais de 12 GTAs. Faço online e envio a GTA para o frigorífico que vem recolher o animal para o abate”, declara.

O sistema de serviços online facilita o trabalho não só de pecuaristas como de todos os produtores pernambucanos. Carolina Torres é doutura em aquicultura e comercializa 220 espécies de água doce e salgada para todo o Brasil. Antes do Siapec 3, ela se deslocava quase diariamente de Igarassu até a Adagro em Recife. “Ganhamos tempo e reduzimos o custo de deslocamento com os serviços online”, enfatiza a produtora.

“A Adagro oferece serviços essenciais e não cessou o atendimento presencial nem mesmo nos períodos de lockdown. Seguimos emitindo GTA presencialmente para atender àqueles que não tem acesso à internet ou mesmo familiaridade com novas tecnologias”, conclui Paulo Lima. Os escritórios funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h.

Imprensa Adagro PE

Funase e Fundação Terra promovem projeto de leitura para socioeducandos

 

A Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) e a Fundação Terra promoverão, nos próximos dez meses, o Projeto Biblioterapia junto a adolescentes e jovens em cumprimento de medida de internação em Arcoverde, no Sertão de Pernambuco. A ação visa a desenvolver, por meio da leitura, atividades de reflexão acerca da construção e ressignificação do projeto de vida dos envolvidos. As atividades vão acontecer todas as quintas-feiras, das 9h às 11h, com participação de oito socioeducandos.

A ideia surgiu após a inauguração de um espaço de leitura, no mês passado, no Case/Cenip Arcoverde, unidade da Funase no município. Aquele projeto, intitulado Clube Castelar, vem sendo realizado em parceria com a Vara Regional da Infância e Juventude e estimula o hábito da leitura entre os socioeducandos. Agora, com o Projeto Biblioterapia, o objetivo é ampliar o potencial das ações nessa área, por meio de discussões técnicas e em grupo sobre os temas trabalhados nas obras à disposição nas estantes.

“A pedagoga da nossa unidade entrou em contato com a Fundação Terra, que trabalha nessa área cultural e profissionalizante e já desenvolveu outros projetos conosco. Uma psicóloga, uma professora e uma pedagoga desenvolvem esse trabalho, fazem leitura técnicas de grupo e dinâmicas”, explicou a coordenadora técnica do Case/Cenip Arcoverde, Maria Nailma, acrescentando que a escolha dos oito participantes considerou critérios como o tempo de permanência na unidade e o interesse por leitura.

Ainda segunda a gestora, o significado do projeto envolve uma reflexão sobre o papel dos jovens na sociedade. “É uma reflexão de vida, de se tornar protagonista de algumas mudanças importantes, de refletir sobre a sociedade, o motivo que as coisas acontecem e quem é o responsável por elas. É para melhorar a autoestima e se reconhecer como o dono da sua história”, declarou Nailma.

Imprensa Funase

Nova rede de abastecimento da Compesa beneficia Araçoiaba

 

Dentre as ações para levar mais água à população no período de enfrentamento da Covid-19, a Compesa segue executando obras de curta duração e grande impacto no abastecimento de áreas da Região Metropolitana do Recife (RMR). No município de Araçoiaba, está em curso uma obra estruturadora que vai melhorar o abastecimento de água na Vila Itapipiré, uma das áreas em expansão do município. A Compesa está implantando 1.100 metros de rede de distribuição de água, que irá beneficiar cerca de 500 famílias, com investimento estimado em R$ 260 mil.

Os trabalhos iniciaram em setembro e estão chegando à fase final, com 90% da obra executada, estando prevista para ser concluída no final deste mês. O gerente de Unidade de Negócios da Compesa, Artur Santos, explica o impacto das intervenções para a população. “A obra vai trazer grandes benefícios para os moradores da vila, uma vez que vai garantir uma pressão na rede suficiente para abastecer as partes baixas e altas da localidade, simultaneamente, a exemplo da Rua Santa Helena, uma das mais prejudicadas topograficamente. A intervenção vai garantir o transporte de água adequado levando em consideração, ainda, as expansões futuras na Vila Itapipiré”, destaca Santos.

A fase final das intervenções inclui a ligação da adutora que vai transportar a água do Reservatório Elevado de Araçoiaba para a Vila Itapipiré, no trecho entre as duas margens da PE-41. Com a finalização dos serviços, o calendário da área, que é de dois dias com água para quatro sem, será cumprido uniformemente, dando possibilidade de reserva para os moradores até o próximo ciclo de abastecimento. “Esta é mais uma importante obra da Compesa realizada nesse momento tão desafiador, mas que vem sendo enfrentado com muita seriedade pela Companhia. A Compesa está, mais do que nunca, empenhada em garantir que a água chegue a quem mais precisa”, conclui o gerente.

Imprensa Compesa

Aurora Filmes pede socorro

 

Atenção sociedade pernambucana! O casarão 987 da Rua da Aurora cuja construção é do ano de 1855 - Século XIX - está correndo risco de desabamento em razão da construção de um prédio para abrigar a Associação dos Auditores do Tribunal de Contas de Pernambuco. É preciso alertar a população que o terreno é um bem público, mas foi cedido, sem qualquer ônus, a uma entidade privada, por força da Lei Estadual nº 15701 de 21/12/2015.

Não podemos deixar que um interesse particular de um determinado grupo venha causar danos a um patrimônio histórico de Pernambuco. Este casarão abriga uma ONG, a Aurora Filmes, que há 15 anos vem contribuindo para a formação de jovens e adultos, em sua maioria jovens de escolas públicas que desejam aprender e se profissionalizar na área de cinema, teatro, fotografia e diversas outras atividades culturais. Um trabalho que vêm revelando vários talentos pernambucanos, com destaque na área de cinema.

Vamos dizer NÃO a esse projeto de construção que poderá abalar as estruturas físicas do casarão da Aurora Filmes, causando risco ao funcionamento e a segurança da ONG. Essa luta é nossa, é de todos que defendem a cultura pernambucana, o nosso maior patrimônio.

Você pode ajudar assinando e compartilhando esse abaixo-assinado:

Instituições avançam em projeto de assistência integrada a socioeducandas

 

A cooperação entre cinco instituições está dando origem a um projeto voltado a adolescentes gestantes e lactantes em privação de liberdade ou em medidas socioeducativas no meio aberto. A ideia é ampliar e fortalecer uma rede de assistência no atendimento a esse público. Entre as ações previstas, está a destinação de orçamento para adquirir itens de enxoval, leite, fraldas e kits para cursos profissionalizantes voltados às adolescentes, buscando viabilizar uma reinserção produtiva das jovens no convívio social.

Intitulado “Mulheres do Amanhã – Núcleo de Apoio à Gestante e Lactante em Medida Socioeducativa”, o projeto deve ser executado pela Vara Regional da Infância e Juventude da Capital, com participação do Ministério Público do Trabalho (MPT) e da Universidade Católica de Pernambuco (Unicap). Pela execução do meio fechado, participa a Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase), e pelo meio aberto, o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) da região onde o público-alvo é atendido.

O projeto deve atender até 15 grávidas e lactantes por ano. A previsão é que jovens que deixarem a Funase sejam direcionadas ao Cica Cidadania, ação do Judiciário focada no meio aberto. Também passariam a ser feitos encaminhamentos a serviços ofertados pela Unicap, como a Clínica de Direitos Humanos. O MPT-PE, por sua vez, coloca a possibilidade de destinação de recursos de ações judiciais com atuação de procuradores do Trabalho para a aquisição de kits de profissionalização voltados às adolescentes.

O grupo envolvido com a formatação do projeto já participou de duas reuniões nos Centros de Atendimento Socioeducativo (Case) e de Internação Provisória (Cenip) Santa Luzia, que atendem adolescentes e jovens do sexo feminino. “Em 2020, acomodamos esse público em duas novas unidades, mais amplas e equipadas. Agora, junto com outras instituições, damos mais um passo para seguir qualificando esse atendimento, com um olhar diferenciado para as adolescentes”, avalia a presidente da Funase, Nadja Alencar.

Idealizador do projeto, o juiz Paulo Brandão explica que o intuito é tornar a proteção integral à criança e ao adolescente cada vez mais efetiva. “O projeto, que será conduzido pela Sala Cica Cidadania, sob a coordenação do servidor Gerailton Silva, é mais uma iniciativa do Tribunal de Justiça, por meio da Vara da Infância, com vistas a contribuir para que a proteção integral seja cada vez mais letra viva na vida dessas adolescentes. Já nasce fadado ao êxito, dada a competência e o compromisso dos parceiros”, afirma.

A procuradora do Trabalho Jailda Pinto, coordenadora regional de Combate à Exploração do Trabalho da Criança e do Adolescente do MPT-PE, vê no projeto um esforço para quebrar ciclos de vulnerabilidade. “É algo que dá esperança de que mais famílias tenham a chance de não reproduzir o ciclo da pobreza por gerações e nos lembra que o cuidado com nossa juventude deve iniciar cedo, com a viabilização de creches e escolas de qualidade e a promoção de trabalho decente para os pais sustentarem seus filhos”, diz.

Ainda estão participando das tratativas acerca do projeto a professora Érica Babini, do Programa de Pós-Graduação em Direito da Unicap; as coordenadoras gerais do Case e do Cenip Santa Luzia, respectivamente, Lygia Vasconcelos e Socorro Dantas; a educadora social Priscila Campos, do Creas; e outros servidores e integrantes das instituições envolvidas.

Imprensa Funase

Casa Natura Musical anuncia programação online do projeto Sala da Casa de novembro e dezembro

 

O período de isolamento social acabou provocando iniciativas para estimular a interação, o fomento e a criação artística em seus mais diferentes modos de expressão. Foi com isso em vista que a Casa Natura Musical iniciou projetos diversos de lives que, além de manter aquecido o mercado cultural em um momento muito delicado, também deu continuidade aos seus principais fundamentos, que são o engajamento em pautas mobilizadoras por meio de uma programação pulsante e plural; o convite para que o público participe de reflexões que buscam por um mundo mais diverso, inclusivo e sustentável; com o objetivo de ampliar o repertórios a programação de artistas oferece espaço tanto para novos nome quanto para os que já são amplamente reconhecidos. Até o fim do ano, as apresentações sempre serão aos sábados e domingos às 19h.

A partir de 7 de novembro, a programação celebra o Mês da Consciência Negra e a Sala da Casa traz para seu palco virtual, destaques da música negra contemporânea. “Desde o início, o Sala da Casa se pauta pela qualidade musical e por um recorte não óbvio da cena musical. Priorizamos o aspecto humano, a relevância e os movimentos autorais”, conta Laura Damasceno, Gerente de Projetos na Casa Natura Musical e curadora do Sala.

Os artistas escolhidos para celebrar o mês são: Hiran (foto - 7/11), que lançou recentemente o álbum Galinheiro; a cantora e compositora Lei Di Dai (8/11), um dos ícones do Jungle/D&B (Drum & Bass) brasileiro; a cantora e atriz pernambucana Maria Pérola (14/11), a rapper, historiadora e escritora Preta Rara (15/11); a cantora, compositora e atriz Khrystal (21/11), que foi uma das intérpretes de Elza Soares no teatro; e o músico mineiro Rafael Salles (22/11), integrante do Coletivo IMuNe e do bloco de carnaval belo-horizontino Pena de Pavão de Krishna.

Também integram as comemorações a cantora amazonense Thais Badu (28/11), que no ano passado foi contemplada pelo edital da Natura Musical, e Mestrinho (29/11), cantor, compositor e acordeonista que já se apresentou ao lado de ícones da música brasileira, com Dominguinhos, Gilberto Gil e Elba Ramalho. Em dezembro, o encerramento do ano fica por conta do sambista Toinho Melodia (5/12) e de Nath Rodrigues (6/12), cantora, compositora e violinista mineira. 

Programação especial Consciência Negra:

07/11, sábado: Hiran (foto)
08/11, domingo: Lei Di Dai

14/11, sábado: Maria Pérola
15/11, domingo: Preta Rara

21/11, sábado: Khrystal
22/11, domingo: Raphael Sales 

28/11, sábado: Thais Badu 
29/11, domingo: Mestrinho

05/12, sábado: Toinho Melodia
06/12, domingo: Nath Rodrigues

Sempre às 19h

CASA NATURA MUSICAL
Rua Artur de Azevedo, 2134, Pinheiros, São Paulo
www.casanaturamusical.com.br e www.sympla.com.br.
https://www.facebook.com/CasaNaturaMusical
https://www.instagram.com/casanaturamusical/
www.twitter.com/casanaturamus

TRE-PE amplia atendimento do Disque Eleitor

 

Desde o dia o serviço Disque Eleitor, oferecido pelo Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) ao longo de todo ano, terá o seu atendimento ampliado para atender as demandas dos cidadãos pernambucanos durante este período que antecede as Eleições Municipais 2020.

Com a ampliação do serviço, vinte e um servidores do TRE-PE ficarão alocados no casarão anexo a sede à disposição da central telefônica para orientar, informar e responder às dúvidas dos eleitores sobre o pleito eleitoral através do número (81) 3194-9400.

Nas Eleições Gerais de 2018, o Disque Eleitor atendeu cerca de 38.985 pessoas. As principais dúvidas dos eleitores estavam relacionadas a justificativa, transferência, quitação de multas, voto em trânsito, perda do título, documento para identificação, locais e seções de votação.

A servidora do TRE-PE e coordenadora da equipe do Disque Eleitor, Rayssa Rodrigues, destaca a importância do serviço para as Eleições Municipais deste ano “O Disque Eleitor é um serviço essencial para a orientação adequada do cidadão e reforça a importância que o TRE-PE dá à transparência e ao respeito com o eleitor. Para nós, equipe do Disque Eleitor montada para as Eleições 2020, é um privilégio servir nesta nobre tarefa de informar e assegurar que o eleitor tenha suas dúvidas esclarecidas.”

Horário de Atendimento - Este ano, o atendimento ampliado funcionará de segunda a sexta das 8h às 17h. O serviço também estará disponível no feriado do dia 28 de outubro (dia do servidor público) e do dia 02 de novembro (dia de finados).

A partir do dia 09 até o dia 13 de novembro, semana que antecede o primeiro turno das Eleições 2020, o horário de atendimento será expandido e funcionará das 8h às 19h. No sábado (14) anterior ao dia das Eleições, o serviço será ofertado das 8h às 17h e no domingo de Eleição (15), das 6h às 17h.

Imprensa TRE PE

Trabalhadores rurais começam a receber o Garantia-Safra em novembro

 

Agricultores e agricultoras familiares de Pernambuco poderão acessar os recursos do Garantia-Safra a partir do próximo mês, caso tenham registrado perdas de 50% ou mais de suas lavouras na safra 2019-2020. Ao todo, esta edição do programa conta com 89,59 mil trabalhadores rurais aderidos, sendo 63,27 mil no Sertão e 23,32 mil no Agreste do Estado.

Para ter direito ao benefício, cada agricultor precisa fazer o aporte de R$ 17, as prefeituras precisam fazer o investimento de R$ 51 por agricultor inscrito e o Estado, de R$ 102. Segundo o secretário de Desenvolvimento Agrário de Pernambuco, Dilson Peixoto, o Governo de Pernambuco está concluindo o seu investimento neste mês de outubro, totalizando R$ 9,14 milhões. “Estamos honrando nosso compromisso com os trabalhadores rurais, que poderão ter acesso aos recursos assim que os municípios realizem os seus aportes e o Governo Federal conclua o processo de verificação de perdas da safra”, destacou.

De acordo com a coordenação estadual do programa, até a semana passada 45 municípios pernambucanos ainda não tinham concluído o pagamento de suas parcelas, condição para que as análises das perdas sejam solicitadas ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). “É importante que cada município quite os seus aportes para que a verificação de perdas seja realizada e os agricultores inscritos possam ter acesso ao benefício”, explicou o coordenador estadual do Garantia-Safra, Tarcísio Pontes.

Imprensa Agricultura PE

A mulher em campo é um ato político

 

O Livro

A obra "Futebol Feminista - Ensaios" traz como propósito "A mulher em campo é um ato político". O pioneirismo desta publicação está em demonstrar, por pesquisas e entrevistas, em uma linha histórica, as conexões entre o movimento feminista e o futebol feminino, que, no imaginário social, sofre preconceito, como prova a falta de uma literatura mais abrangente sobre futebol feminino por aqui.

O propósito

Nossa causa é a contextualização histórica para trazer à luz o conhecimento da importância do futebol feminino. Este conhecimento gera empoderamento dentro e fora de campo, algo que este livro pretende fomentar, combatendo a misoginia, o racismo, o machismo, a homofobia, a LGTQfobia, a xenofobia e o obscurantismo típicos dos movimentos reacionários, inclusive em nosso país.

Os autores

Luciane de Castro é jornalista e pesquisadora do futebol de mulheres no Brasil e graduanda em Geografia. É colaboradora do Portal Acadêmico Ludopédio na coluna Arquibancada e como apresentadora do programa #PorOutroFutebol de Mulheres.

É parceira do Sesc SP em atividades relacionadas ao futebol: "O futebol delas - 20 anos de futebol feminino nos Jogos Olímpicos" (2016), Festival "De encher os olhos - O esporte do povo na tela do cinema" (2017), Exposição "60/30 - Conquistas do futebol brasileiro" (2018). Como curadora e pesquisadora, "Mapa do Futebol à Margem". Como roteirista e produtora do curta documentário institucional "Estrelas". Como redatora no Projeto "Corpo Feminino - Das proibições ao protagonismo" (2019 e 2020).

Darcio Ricca é administrador e consultor de empresas, gestor esportivo de alto rendimento e fomento à base no golfe com formação de talento e cidadania, gestor cultural na área teatral, gestor financeiro e de planejamento estratégico, além de coordenador de negócios e desenvolvimento.

Pesquisador de futebol, sendo autor de 2 livros: "De Charles Miller à Gorduchinha - A Evolução Tática do Futebol em 150 anos de história (1863-2013)" (www.livrosdefutebol.com, 2014) e co-autor de "Sete Atos, Um Final?" em parceria com Max Gehringer (Chiado Editora, 2018).

E se você colaborar com Valor mínimo de R$ 70,00 (1 exemplar COM EXCLUSIVIDADE antes de lançamento - previsão entre fevereiro e abril 2021 (este último mês, infelizmente, temos a efeméride de 80 anos da proibição do governo do ditador Getúlio Vargas da prática do futebol feminino no país) + 1 camiseta do livro, ambas pelo Correio, sem custo de frete.

Retinoblastoma: se detectado precocemente, as chances de cura são de 100%

 

O Instituto de Olhos do Recife (IOR) orienta sobre consultas e exames oftalmológicos indispensáveis para diagnosticar precocemente o câncer ocular infantil. Nessa etapa da vida, o retinoblastoma, tumor maligno que se origina nas células da retina, é o câncer intraocular mais comum. “Dentre as crianças com a doença, 75% desenvolvem o problema nos primeiros três anos de vida. Por isso, é essencial consultar o oftalmologista com regularidade para detectá-lo o mais cedo possível, aumentando assim a chance de cura e minimizando os danos à visão”, orienta a doutora Priscila Andrade, especialista em oftalmopediatria do IOR.

Em 10% dos casos, o retinoblastoma é hereditário. “Um bebê de pais que tiveram a doença tem 50% de chance de desenvolvê-la em um ou em ambos os olhos”, explica a médica. Apesar de o histórico familiar ser importante, 90% dos casos de retinoblastoma são esporádicos, não hereditários. Esse tipo de retinoblastoma geralmente surge em crianças acima de um ano de vida. Embora seja o câncer ocular infantil mais comum, ele ainda é raro e corresponde até 4% de todas as neoplasias pediátricas. “Nos Estados Unidos, cerca de 400 crianças apresentam a doença, por ano. Já no Brasil não há ainda uma estatística bem definida, mas estima-se que sejam 300 novos casos anuais”, revela. 

O sinal mais típico é a leucoria. “É um reflexo branco e opaco na pupila, popularmente conhecido como ‘olho de gato’, sendo facilmente notado sob luz artificial ou em fotos com flash”, esclarece a doutora Priscila. Acontece que esse sinal se manifesta quando o câncer já está mais avançado. Então, pais e cuidadores devem ficar atentos a outros indícios. “A criança pode apresentar alguns sinais como sensibilidade à luz, redução da visão, estrabismo, dor no olho, globo ocular maior que o normal. Diante de qualquer anormalidade, deve-se procurar o oftalmologista o quanto antes”, aconselha.

Teste do Olhinho – Após o nascimento, um dos primeiros exames que o bebê deve fazer é o teste do olhinho. Além de tumores, como o retinoblastoma, doenças como catarata e glaucoma podem ser identificadas nessa avaliação, em que o médico oftalmologista analisa o reflexo vermelho da retina e examina o fundo do olho. “Apesar de ser um exame de triagem de doenças nos recém-nascidos, o acompanhamento oftalmológico deve ser feito a cada seis meses, nos primeiros dois anos de vida, e depois anualmente, pois essa é a faixa etária mais acometida por esse tumor”, indica a oftalmopediatra. 

O exame é indolor. O médico projeta uma luz nos olhos da criança com um aparelho específico. Quando se observa um reflexo vermelho, indica que o bebê não apresenta nenhum obstáculo a entrada de luz. “Se for realizado por um oftalmologista, é feito após a dilatação das pupilas, o que possibilita avaliar além do reflexo vermelho, outras estruturas intraoculares, como nervo óptico e retina”, comenta a doutora Priscila.

Serviço:
Câncer ocular na infância
Dra. Priscila Andrade
Oftalmopediatra no Instituto de Olhos do Recife - IOR

quinta-feira, outubro 29, 2020

Piloto pernambucano disputa campeonato de automobilismo no Paraná

 

Após um pole position e conquistar segundo lugar na primeira etapa, o piloto pernambucano Sérgio Ramalho participa, neste final de semana, da segunda e decisiva etapa do torneio Special Edition do GT Sprint Race. Será no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Londrina (PR). Ele embarca nesta quinta (29), com apoio do Grupo Dislub Equador para representar Pernambuco e o Recife, sua terra natal.

Na mala, além de esperança e muita disposição para disputar velocidade com grandes nomes do automobilismo, Sérgio leva seu novo macacão, com as marcas da Dislub estampadas: Dislub Energia e DuraMais - gasolina exclusiva do grupo pernambucano e reconhecida internacionalmente, certificada pelos organismos da ONU.

Corrida - Em um Mustang, ele entrará sexta na pista paranaense para treino oficial, às 15h30. A primeira corrida será sábado (31), às 16 horas. Já a segunda e a terceira ocorrerão domingo (01/11), às 09h30 e às 13h15, respectivamente. “Depois de pole position e conseguir segundo colocado, aumentam agora as expectativas para a segunda etapa desse campeonato nacional, em uma pista que gosto bastante”, adianta Sérgio, que iniciou no mundo da velocidade aos 14 anos, com Kart, na capital pernambucana e, desde 2006, tem parceria com o Grupo Dislub Equador com apoio em corridas, competições e destaques.

Sérgio já participou de três categorias da Stock Car: Stock Light, Pick-up Racing e Stock Jr. Também teve algumas experiências na Copa Truck e tem feito coach para o carro 17 na Sprint. Na primeira e única participação na Sprint Race, em 2019, ele venceu a prova.

Primeira etapa - Mês passado, Sérgio Ramalho (GTSR#88/PRO) alcançou segundo lugar na categoria PRO, da primeira etapa da Special Edition do GT Sprint Race, que ocorreu dia 20 de setembro, no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO). O recifense e piloto da Stock Car ficou a 1s171 de Thiago Camilo, que foi o vencedor e completou as 15 voltas em 27min09seg203. Em terceiro lugar ficou Diego Nunes (GTSR#85/AM), também piloto da Stock Car.

Paço do Frevo e Coral Edgard Moraes celebram Dia do Frevo de Bloco com live musical

 

Criado em 2004, no centenário de nascimento do grande músico e compositor recifense Edgard Moraes, o Dia do Frevo de Bloco será celebrado pelo Paço do Frevo, neste domingo (1º), com uma live solidária, promovida em parceria com o Coral Edgard Moraes. A programação virtual será transmitida a partir das 17h, no canal do Youtube do Coral Edgard Moraes, substituindo o já tradicional Encontro de Blocos Líricos pelas ruas do Recife Antigo, inviabilizado este ano pelo cenário de pandemia.

A transmissão, feita pelo Oráculo Estúdio, instalado no Paço do Frevo, será a primeira realizada dentro do museu, mantido Pela Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Cultura e da Fundação de Cultura Cidade do Recife, desde sua reabertura, em setembro. O espetáculo, que terá como cenário a Praça do Frevo, no terceiro andar do Paço, reunirá vários convidados, como Getúlio Cavalcanti, Nena Queiroga, Maestro Spok, André Rio e Martins, com direção musical do maestro e professor Marco César. Durante a live, serão transmitidos ainda trechos de vídeos de comemorações passadas e devidamente aglomeradas, com participação de blocos líricos pernambucanos.

A apresentação arrecadará doações para o Hospital do Câncer de Pernambuco. Para colaborar, basta copiar o QR Code que estará disponível na tela da live. “Queremos juntar todos os blocos, músicos, compositores e admiradores do gênero num grande evento online”, afirma Valéria Moraes, coordenadora do Coral Edgard Moraes e neta do compositor, arranjador, violonista e folião engajado. “Sendo Edgard Moraes um baluarte do nosso carnaval, fundador que foi de vários blocos líricos, é mais do que justo que a cada ano, seja ele lembrado em sua data natalícia, com a comemoração do Dia do Frevo de Bloco, que será ainda mais especial em 2020, pois aliaremos essa referência histórica com uma ação social de solidariedade”.

A gerente Geral do Paço do Frevo, Nicole Costa, ressalta a importância de medidas cautelosas na retomada de atividades culturais durante a pandemia. “Como bom folião, o Paço está louco para voltar às ruas e aglomerar no nosso tradicional Arrastão do Frevo. Mas é essencial lembrarmos que a pandemia ainda não acabou e, por outro lado, nos desafia diariamente a encontrar soluções para continuarmos ativos e vibrantes, mas valorizando a vida. Assim como a reabertura do Paço, a live do Dia do Frevo de Bloco será transmitida online, com todos os cuidados sanitários necessários, seguindo as recomendações da OMS. E tão logo possamos voltar às ruas, comemoraremos com todo o calor humano que nos é de direito”, declarou. Além da parceria com o Paço do Frevo, que recebe a ação, o evento do Coral Edgard Moraes tem o apoio da Prefeitura do Recife, SescPE e Atacadão. 

Sobre o Frevo de Bloco

Tradição do Carnaval recifense, o Frevo de Bloco é executado por um Coral Feminino, acompanhado por uma orquestra de pau e corda, composta por instrumentos como violões, cavaquinhos, banjos, bandolins, violinos, além de instrumentos de sopro (flauta e clarinete) e de percussão (surdo, caixa e pandeiro). O ritmo embala as agremiações tradicionalmente denominadas “blocos carnavalescos mistos”, cujo aparecimento se relaciona a um importante dado histórico e sociológico: o início da legitimação da participação das mulheres, principalmente da classe média, na folia de rua do Recife, nas primeiras décadas do século XX.

Paço do Frevo - O espaço cultural apresenta-se como um local de incentivo à difusão, à pesquisa, e à formação de profissionais nas áreas da dança e da música, dos adereços e das agremiações do frevo. Ao longo de seis anos, recebeu quase 660 mil visitantes, teve mais de 2 mil alunos formados em suas atividades e promoveu mais de 600 apresentações artísticas. Paço do Frevo é uma iniciativa da Fundação Roberto Marinho, com realização da Prefeitura do Recife e gestão do Instituto de Desenvolvimento e Gestão (IDG). 

Serviço:
Live do Dia do Frevo de Bloco
Data e horário: 01/11/2020, 17h
Link: Canal do Youtube do Coral Edgard Moraes


Imprensa Recife

TRE proíbe atos presenciais de campanha

 

Diante do aumento de casos de contaminação pelo novo coronavírus e preocupado em preservar vidas, o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) determinou, na noite desta quinta-feira (29-10), a proibição, em Pernambuco, de todos os atos presenciais de campanha eleitoral causadores de aglomeração.

Estão suspensos, portanto, em todos os 184 municípios do Estado, eventos como comícios, bandeiraços, passeatas, caminhadas, carreatas e similares, além de confraternizações, inclusive para arrecadação de recursos de campanha. A proibição se estende a eventos no modelo drive-thru.

Pernambuco e o Brasil, assim como outros Estados e países, vivem, atualmente, sob a ameaça da chamada "segunda onda" da covid-19. "O TRE, com a decisão de hoje, mostra o seu compromisso com a saúde e a vida dos cidadãos e cidadãs pernambucanos", disse o presidente do Tribunal, desembargador Frederico Neves.

A Corte Eleitoral de Pernambuco aprovou a decisão por 6 a 0 (houve uma abstenção). A proposta de proibição dos atos presenciais de campanha foi apresentada em Resolução pelo presidente do TRE-PE, desembargador Frederico Neves. Clique aqui e leia Resolução. O julgamento pode ser acessado no Canal do TRE-PE no YouTube (www.youtube.com/watch?v=qHfbKzKVnjg)


De acordo com a resolução, os juízes eleitorais, no exercício do poder de polícia conferido pela legislação, deverão coibir todo e qualquer ato de campanha que viole a resolução. A resolução também estabelece que as decisões judiciais para restauração da ordem, no que se refere à aglomeração irregular de pessoas e à inobservância das demais medidas sanitárias obrigatórias em atos de campanha, deverão ressalvar que constitui crime de desobediência a recusa ao cumprimento de diligências, ordens ou instruções da Justiça Eleitoral ou a oposição de embaraços à sua execução.

Ao apresentar a proposta de resolução, o presidente do TRE-PE levou em consideração, entre outros fatores, que, na prática, o controle do distanciamento social, do uso de máscaras e de outras precauções tem se revelado absolutamente ineficaz nos atos de campanha eleitoral.

A prova de que as ações do Poder Público não estão surtindo efeito são os vários vídeos de aglomerações que vêm sendo veiculados na imprensa e nas redes sociais.

A resolução também aponta, em seus "considerandos", dois pontos que merecem ser destacados. Primeiro: A conjuntura de extrema gravidade e incertezas decorrente da pandemia da covid-19 está por exigir postura responsável de todos e, sobretudo, daqueles que almejam ocupar cargos nos Poderes Legislativo e Executivo, responsáveis pela definição e execução de políticas públicas, bem assim da própria Justiça Eleitoral. E o mais importante: a preservação da vida, que está acima de tudo, exige a contribuição de todos.

Imprensa TRE PE

Governo de Pernambuco autoriza retomada das aulas do Ensino Fundamental e Educação Infantil na rede privada

 

O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Educação e Esportes, anunciou nesta quinta-feira (29), durante coletiva de imprensa, a autorização para o início do processo de retomada das aulas presenciais do Ensino Fundamental (Anos Iniciais e Anos Finais) e da Educação Infantil. O retorno – que neste momento contempla apenas as unidades de ensino da Rede Privada – será realizado por etapas, começando no dia 10 de novembro com as turmas dos Anos Finais (6º ao 9º ano). No dia 17 de novembro, as escolas retomam as aulas dos Anos Iniciais (1º ao 5º ano) e, concluindo o processo, no dia 24 de novembro será a vez dos alunos da Educação Infantil retornarem às escolas. As aulas do Ensino Médio já haviam sido retomadas desde o dia 09 deste mês.

Para o retorno, as instituições de ensino devem continuar observando todas as normas estabelecidas no protocolo setorial da Educação, respeitando regras de distanciamento social, medidas de proteção e prevenção, bem como o monitoramento e orientações e de vigilância epidemiológica. O protocolo traz pontos importantes como o uso obrigatório de máscaras, distanciamento de 1,5 metros em todos os ambientes das escolas, inclusive dos estudantes em sala de aula, lavagem e higienização das mãos e uso do álcool em gel. Além disso, todos que estiverem nas unidades devem ser orientados, monitorados e testados em casos suspeitos, assim como seus contactantes.

“É importante destacar que esse retorno é opcional e, por se tratar de estudantes menores de idade, a decisão de voltar à escola caberá aos pais ou responsáveis. A retomada feita em etapas é importante, pois permite às áreas de saúde e Educação acompanharem o processo. Para a escola também é relevante, pois pode ir se preparando para receber em etapas e em grupos esses alunos. Com isso, a gente pode avançar não apenas no processo de retomada, mas também no cumprimento dos protocolos”, ressaltou o secretário estadual de Educação e Esportes, Fred Amancio. O Comitê de Enfrentamento à Covid-19 continuará monitorando os dados da pandemia e, se necessário, poderá rever todo esse planejamento.

Na Rede Pública, a retomada das aulas da Educação Infantil e do Ensino Fundamental (Anos Finais) segue suspensa. No dia 21 de outubro, as escolas da rede deram início ao processo de retomada das aulas presenciais para as turmas do Ensino Médio, com as turmas do 3º ano. Na última terça (27), retornaram as turmas do 2º ano e no dia 03 de novembro voltam as de 1º ano, Ensino Técnico Concomitante e Subsequente e da Educação de Jovens e Adultos.

AVANÇOS NO PLANO DE CONVIVÊNCIA – A partir da próxima terça-feira (03.11), todo o Estado de Pernambuco avançará para a Etapa 11 do Plano de Convivência com a Covid-19. Essa última etapa é um estágio em que todas as atividades econômicas estarão permitidas, com novos protocolos, seja geral ou específico de cada setor. “Nesse novo normal, vamos continuar dialogando com os setores produtivos e fazendo os ajustes nas calibragens de cargas, podendo aumentar ou diminuir e, eventualmente, até proibir algumas atividades que não estejam seguindo os protocolos”, afirmou o secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach.

DADOS DA SAÚDE – Pelo segundo dia consecutivo, a rede hospitalar de assistência à Covid-19 registrou com menos de mil pacientes confirmados para a doença em leitos de enfermaria. O boletim epidemiológico desta quinta-feira (29.10) traz 986 pessoas com a Covid-19 em enfermaria, número que chegou a mais de quatro mil na fase mais crítica da doença em Pernambuco. No caso das vagas de UTI, atualmente são 78 pacientes internados com diagnóstico da doença, quantitativo que já chegou a 400.

Esse é um dos indicativos de que a situação do novo coronavírus em Pernambuco continua seguindo uma tendência de estabilização. Quando se calcula a média móvel de casos com a data efetiva da notificação, por exemplo, há uma redução de 32,83% nas mortes e uma queda de 6,3% na média de casos confirmados quando comparada com a média móvel de 14 dias anteriores. De acordo com os dados epidemiológicos, na análise da semana 43 houve queda de 10% nos casos de Srag suspeitos em 15 dias e, na comparação com a SE 42, um leve acréscimo de 4,5% - 28 casos a mais. Em relação aos óbitos, houve uma queda de 12,2% comparando a semana 43 com a 41, e de 6,5% comparando com a 42. As taxas de mortalidade e letalidade estão em 0,1 (SE 43) e 0,5 (SE 41).

“Durante o processo de convivência, flutuações podem acontecer, porque o vírus continua circulando de forma sustentada no Estado. Mas até agora essas oscilações estão dentro de um patamar de controle, sem tendência clara de aumento ou de uma segunda onda. Dessa forma, não podemos tomar medidas pela impressão de apenas uma semana. Precisamos ter a configuração de tendência em períodos maiores. Também nunca analisamos um número de forma isolada, pois temos um conjunto de indicadores que são avaliados para que possamos melhor compreender a evolução da doença”, concluiu Longo.


Secretaria de Imprensa de Pernambuco

quarta-feira, outubro 28, 2020

O maior Home Center do Nordeste está chegando a Natal/RN

 

Mais uma loja do Home Center Ferreira Costa será inaugurada em 2021. Desta vez, Natal será contemplada com o Home Center. E não faltam motivos para comemorar esta chegada, afinal, a cidade vai contar com uma variedade de mais de 70 mil itens para casa, construção e decoração em um só lugar. 

A Ferreira Costa foi fundada em 1884 na cidade de Garanhuns, pelo imigrante português João Ferreira da Costa. E vem expandindo seus negócios sempre focando em municípios com localizações estratégicas no Nordeste.  

Exatamente por isso, a cidade de Natal foi uma das escolhidas para fazer parte da família Ferreira Costa. A infraestrutura do Rio Grande do Norte tem uma qualidade acima da média do Nordeste e do Brasil. Natal é uma cidade polo na região, concentrando inúmeras atividades de comércio e serviços, com potencial econômico entre as maiores capitais do país. Além disso, os moradores das regiões vizinhas frequentam a cidade para realizar as suas compras e representam uma fatia significativa do público que o Home Center pretende atingir.  

A preocupação com seu papel social também é um diferencial da Ferreira Costa. Existe um comprometimento com as comunidades em que a empresa está inserida, colaborando com projetos sociais que incentivem a mudança do seu entorno. Os cuidados com o meio ambiente também são fundamentais, assim, o Home Center está chegando a Natal com uma loja toda construída de forma sustentável. Será instalado no telhado geração de energia solar, onde em curto prazo, grande parte do seu consumo de energia será de geração própria, terá coleta seletiva de resíduos, logística reversa de resíduos, coleta para descarte de pilhas e lâmpadas, etc. 

A reforma e ampliação já foram iniciadas e a previsão de inauguração é junho do próximo ano. Sua localização é privilegiada, na esquina da BR-101 (Av. Senador Salgado Filho) com o início da Av. Roberto Freire, bairro do Capim Macio, conhecido como Bairro de Ponta Negra, no local de funcionava o antigo Prédio do Hiper Bompreço.

 A Ferreira Costa contará com 10.000 m2 de área de vendas, além de espaço para vinte e cinco lojas de conveniência no Mall, 472 vagas de estacionamento, estoque para pronta entrega no local,  serviços do Clube do Profissional, Lista de Casamento, Vendas para Empresas, Bordados de toalhas, Centro Automotivo e inúmeros outros atrativos. 

O centro de compras quer cada vez mais participar do crescimento de Natal e região Metropolitana, contribuindo com seus produtos e serviços de alta qualidade para os consumidores locais e da região, e claro, geração de empregos. Com isso, serão contratados 450 profissionais diretos e mais 100 indiretos, quando a loja estiver em pleno funcionamento. E para quem quiser fazer parte da família Ferreira Costa basta se cadastrar através do site: www.carreiras.ferreiracosta.com. O processo de contratação está acontecendo todo on-line. 


Voluntários entregam alimentos para Instituições de caridade

 

O Supera Boa Viagem  realiza, nesta quarta-feira, 28/10, a entrega da arrecadação dos alimentos para o Abrigo Jesus Pequenino e o Instituto de Caridade Lar Paulo de Tarso. Foram 400 kg de alimentos, além de brinquedos, fraldas e materiais de limpeza. As doações serão destinadas ao público de 0 a 12 anos e essa foi uma ação pelo Mês das Crianças.

segunda-feira, outubro 26, 2020

Assaí seleciona para empregos temporários

 

O Assaí Atacadista, rede de atacado de autosserviço que mais cresce no Brasil, está selecionando profissionais para mais de 1800 vagas temporárias em todo o País. A empresa irá reforçar os times de suas 176 lojas para o fim de ano, período de maior movimento para o setor. Há vagas para os cargos de Empacotador, Repositor, Operador de Caixa, Operador de Depósito e Fiscal de Prevenção de Perdas, com oportunidade de efetivação.

Podem se candidatar maiores de 18 anos com ensino médio completo e disponibilidade para trabalhar em escala 6x1. Em razão da pandemia de Covid-19, o processo seletivo da rede foi adaptado para ser realizado 100% on-line. Em Pernambuco, os interessados podem consultar as vagas disponíveis e cadastrar o currículo no site da empresa AST Consult até o dia 10 de novembro. A rede oferece salário e benefícios compatíveis com o mercado.

Negócio de atacado de autosserviço do GPA, maior varejista alimentar da América do Sul, o Assaí atende pequenos e médios comerciantes e consumidores em geral que buscam economia em compras de grande volume. Atacadista que mais cresce no Brasil, a rede está presente nas cinco regiões do País, com 176 lojas distribuídas em 22 estados e no Distrito Federal. Conta com uma plataforma própria de serviços financeiros, o Passaí, composta por cartão próprio e uma maquininha de cartão de crédito e débito. Anualmente, o Assaí recebe mais de 250 milhões clientes em suas unidades. Em 2020, foi eleito o atacadista mais admirado do País pelo ranking IBEVAR-FIA.

Grande Recife Consórcio inicia processo de integração temporal no TI Afogados

 

A partir do sábado, dia 31 de outubro, o Terminal Integrado Afogados passa a operar por meio da integração temporal. A mudança, que vale para os usuários das linhas 115 – TI Aeroporto/TI Afogados e 914 – PE-15/Afogados, ocorrerá em duas fases com a primeira sendo no sentido ônibus x metrô. Para o Consórcio, a integração temporal auxilia no planejamento da operação ao identificar a origem e o destino dos usuários.

Os passageiros que desembarcarem no TI Afogados e desejarem ter acesso à Estação de Metrô Afogados deverão, com o início da primeira fase da nova operação, passar seu cartão VEM (Trabalhador, Estudante, Livre Acesso ou Comum) na catraca de entrada da Estação, sem o pagamento de uma nova tarifa.

Já no sentido contrário (metrô x ônibus), aqueles que desembarcam na Estação do Metrô Afogados e desejam ter acesso ao TI, por enquanto, permanecem entrando nos ônibus pelas portas do meio ou traseira dos coletivos.

A implantação da integração temporal no terminal faz parte do processo de universalização da bilhetagem antecipada que agiliza o embarque e ajuda no planejamento da operação. Isso acontece porque, quando o usuário passa o cartão duas vezes no validador, é possível identificar a sua origem e o seu destino. Além de diminuir a entrada irregular de passageiros no sistema.

A integração temporal permite que o usuário utilize os dois modais (ônibus x ônibus ou ônibus x metrô) pagando apenas uma passagem, por sentido da viagem, no intervalo de duas horas. É importante lembrar que a integração temporal só é possível com o cartão do Vale Eletrônico Metropolitano (VEM).

Por isso, cartões VEM Comum já estão sendo distribuídos gratuitamente mediante cadastro no local. Para conseguir um, basta se dirigir à equipe localizada entre o TI e a Estação do Metrô munido de documento oficial com foto que comprove o CPF e informar ainda o nome completo, o nome da mãe e a data de nascimento. É possível fazer a recarga do cartão nas máquinas de POS (sem a cobrança da taxa) com os funcionários presentes. A equipe estará no local pelas próximas semanas, de segunda à sexta-feira, das 6h às 18h; e, aos sábados, das 6h às 12h.

Cartazes nas linhas e orientadores no TI Afogados estão ajudando a divulgar a novidade entre os usuários. Passageiros que tiverem uma segunda tarifa descontada antes do período de duas, característico da integração temporal, devem procurar a Urbana-PE, através do telefone 3125.7858. É necessário informar o dia e horário do fato para checagem. Se confirmada a cobrança indevida, o usuário terá a passagem devolvida ao cartão VEM.

Para tirar dúvidas ou enviar sugestões e reclamações, o usuário pode entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente (0800 081 0158) ou WhatsApp (99488.3999), exclusivo para reclamações.

Imprensa Grande Recife

Pernambuco entrega primeira regularização de terras quilombolas

 

Encerrando a passagem pelo município de Garanhuns, no Agreste Setentrional, nesta sexta-feira (23.03), o governador Paulo Câmara entregou o primeiro título de domínio coletivo a uma comunidade quilombola pelo Estado. O documento promove a regularização fundiária de 64,8 hectares da comunidade do Quilombo Castainho, e beneficia 400 famílias que vivem na localidade. A ação integra o Programa Propriedade Legal, lançado em julho de 2019, que prevê a regularização de 65 mil propriedades rurais e urbanas em todo o Estado.

“Temos certeza de estar garantindo o direito à terra, ao crédito, o direito de as pessoas poderem trabalhar, criar seus filhos e serem felizes aqui. Aproveitamos também essa visita para informar que os preparativos já foram iniciados para que a gente possa começar ainda este ano a obra do abastecimento de água aqui da comunidade de Castainho. Então, é muito importante que, com essas ações, a gente ofereça cada vez mais condição de o povo quilombola trabalhar, se desenvolver, gerar renda, emprego e sustentar sua família e suas tradições”, comemorou Paulo Câmara.

Com a emissão do título, que regulariza juridicamente o imóvel, a comunidade passa a ter acesso a diversas políticas públicas rurais, linhas de crédito coletivas para desenvolvimento da atividade agrícola e políticas específicas para os povos tradicionais (quilombolas e indígenas). Hoje, Castainho desenvolve culturas agrícolas regionais, em especial a mandioca e os subprodutos de seu beneficiamento, como a farinha. Também são produzidas hortaliças e outros produtos agrícolas.

De acordo com o secretário estadual de Agricultura, Dílson Peixoto, a regularização dessas propriedades faz parte do esforço do Governo de Pernambuco para fomentar o cultivo familiar no Estado. “A agricultura familiar é a base da nossa agricultura, responde por mais de 70% do que chega à mesa dos pernambucanos e está presente, inclusive, nas nossas cadeias do agronegócio, como fruticultura e avicultura”, destacou.

José Carlos Lopes, 63 anos, um dos líderes locais, agradeceu a ação e afirmou que o título emitido em nome do Quilombo Castainho abre novas perspectivas. “Pra gente é mais uma oportunidade de crescimento, valorização e homenagem para a comunidade. A forma que estamos conseguindo o título hoje, com incentivo do Estado, é dizer para nós mesmos que devemos sempre acreditar", afirmou.

Novo anúncio – Além da concessão do título, também foi anunciado o projeto de ampliação da rede de distribuição de água para a atender à comunidade de Castainho. A intervenção contempla 600 imóveis e vai beneficiar 2,4 mil pessoas. O investimento é da ordem de R$ 1,2 milhão, sendo R$ 700 mil recursos da Compesa e R$ 500 mil fruto de emenda parlamentar.

Secretaria de Imprensa de Pernambuco

TRE-PE decide: Nome de urna de candidaturas coletivas não pode confundir o eleitor

 

Em julgamento de recurso eleitoral neste sexta-feira (23-10), a Corte do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) fixou entendimento sobre nomes usados nas urnas que possam indicar a prática das chamadas candidaturas coletivas ou compartilhadas. A posição do Pleno é que o nome constante na urna eletrônica não pode causar nenhum tipo de dúvida ao eleitor. Foi a primeira vez que o TRE de Pernambuco se manifestou, de maneira colegiada, sobre o tema.

O caso chegou à Corte a partir do recurso movido por Adevania Coelho de Alencar Carvalho, candidata a vereadora em Ouricuri pelo PSOL. Em 11 de outubro passado, o juiz da 82ª Zona Eleitoral, Carlos Eduardo das Neves Mathias, deferiu o pedido de registro de candidatura, porém determinou que, na urna eletrônica, a candidata apareça com o nome "ADEVANIA".

A candidata, então, recorreu da decisão porque pretendia usar, na urna eletrônica, o nome "COLETIVA ELAS” ou, em caso de rejeição deste pedido, a expressão “ADEVANIA DO COLETIVA ELAS”.
Relator do processo, o desembargador Ruy Trezena Patu Junior votou pelo provimento parcial do recurso, a fim de deferir a segunda opção de nome de urna da candidata, "ADEVANIA DO COLETIVA ELAS".

O desembargador Edilson Pereira Nobre acompanhou o voto do relator. Porém, os outros cinco membros da Corte Eleitoral - desembargadores Frederico Neves (presidente), Carlos Gonçalves de Moraes (vice-presidente e corregedor), José Alberto de Barros Freitas Filho, Carlos Gil Rodrigues Filho e Rodrigo Cahu Beltrão ­- confirmaram a decisão do juiz de primeiro grau e votaram por negar provimento ao recurso da candidata, que terá que utilizar apenas o nome "ADEVANIA" na urna eletrônica.

Em sua sentença, o juiz Carlos Eduardo das Neves Mathias citou o Artigo 25 da Resolução 23.609/2019 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE): "O nome para constar da urna eletrônica terá no máximo 30 (trinta) caracteres, incluindo-se o espaço entre os nomes, podendo ser o prenome, sobrenome, cognome, nome abreviado, apelido ou nome pelo qual o candidato é mais conhecido, desde que não se estabeleça dúvida quanto a sua identidade, não atente contra o pudor e não seja ridículo ou irreverente".

No julgamento desta sexta-feira, o presidente do TRE, desembargador Frederico Neves, mais uma vez, se disse simpático às candidaturas coletivas, porém destacou que ainda não existe previsão legal que as discipline. "Como aplicador da norma, não posso permitir o uso nas urnas de expressões que causam dúvidas seriíssimas no espírito do eleitor", disse o desembargador.




Imprensa TRE-PE

Recife estende horário de unidades de saúde na última semana de campanhas de vacinação

 

Para dar mais uma opção para quem tem dificuldade em buscar vacinação no horário comercial, a Prefeitura do Recife vai estender o horário de oito unidades de saúde do município a partir desta segunda-feira (26). A ação, que segue até a sexta-feira (30), marca a última semana de três campanhas de imunização que estão acontecendo na cidade, voltadas a crianças de 1 ano a menores de 5 anos contra poliomielite, crianças e adolescentes menores de 15 anos para atualização da caderneta de vacina, e pessoas de 20 a 49 contra o sarampo. As unidades vão se revezar no horário estendido, que vai acontecer das 8h às 21h.

A cada dia, duas unidades vão ficar abertas até às 21h. Na segunda (26), será a Policlínica Salomão Kelner, em Água Fria, e o Centro de Saúde Joaquim Cavalcante, nos Torrões. Na terça (27), as Policlínicas Albert Sabin, na Tamarineira, e Gouveia de Barros, na Boa Vista, vão funcionar até mais tarde. Por conta do feriado do dia do servidor público, na quarta-feira (28), não haverá vacinação em nenhum local. Já na quinta (29), a população pode se imunizar à noite no Centro de Saúde Gaspar Regueira Costa, no Barro, e na Upinha Rio da Prata, no Ibura. Na sexta (30), a vacinação acontece nas Policlínicas do Pina e Clementino Fraga, no Vasco da Gama.

Para evitar a concentração de pessoas apenas nessas unidades, a Sesau orienta que quem tiver disponibilidade no horário comercial deve procurar a unidade de saúde mais perto de sua casa. As vacinas continuam sendo oferecidas nas mais de 140 unidades de saúde do Recife, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A lista das salas de vacinação está disponível no site da Prefeitura do Recife (https://bit.ly/37xKNAN).

Desde o começo da Campanha Nacional de Vacinação Contra Poliomielite, iniciada no último dia 5, o Programa de Imunização (PNI) do Recife aplicou pouco mais de 21 mil doses da vacina, o que representa uma cobertura vacinal de 26%. A meta do município é vacinar pelo menos 95% das mais de 80 mil crianças de 1 ano a menores de 5 anos na capital, mesmo que elas já tenham tomado a vacina anteriormente.

A Sesau recebeu mais de 80 mil doses da vacina de pólio enviadas pelo Ministério da Saúde (MS). O esquema de vacinação da pólio é composto por três doses da vacina injetável aos 2, 4 e 6 meses de idade, além de reforço com a vacina oral aos 15 meses e aos 4 anos de idade.

Outro público-alvo do Dia D, as crianças e adolescentes menores de 15 anos também devem ir até as unidades de saúde para atualizar a caderneta de vacinas. Desde o começo do mês, a Sesau iniciou a Campanha Nacional de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacina, que oferece 17 imunizantes do calendário vacinal, como BCG, meningocócica, febre amarela, HPV, pentavalente, rotavírus, pneumocócica, varicela, hepatites A e B, DTP e outras.

A orientação da Secretaria é que os pais ou responsáveis levem o cartão de vacina para que os profissionais do Programa de Imunização (PNI) do Recife avaliem a necessidade de cada um, de acordo com a idade e as doses já tomadas. Diferentemente da campanha contra poliomielite, como essa campanha é seletiva, não há meta estipulada pelo MS.

Já a Campanha Nacional de Vacinação Contra o Sarampo é voltada para todas as pessoas de 20 a 49 anos, mesmo que já tenham tomado a vacina tríplice viral anteriormente. O PNI Recife aplicou quase 29 mil doses da vacina, que protege contra sarampo, caxumba e rubéola, em adultos nessa faixa etária.

Ainda podem se vacinar as crianças e jovens de 5 a 19 anos que nunca tomaram a tríplice viral ou não tenham comprovação de ter completado o esquema vacinal recomendado, seja na infância ou em outro momento da vida. Quem está com as doses em dia, já teve sarampo ou tem mais de 50 anos não precisa se preocupar. 

Imprensa Recife

Plantas ornamentais integram o leque de produção rural no Assentamento Galileia

 

O Assentamento Galileia, localizado no município de Vitória de Santo Antão, além de ser referência na produção de alimentos de base familiar, também vem se destacando com o manejo de plantas ornamentais. A produção vai além da produção de plantas, envolve um cuidadoso processo sustentável na montagem de terrário; produção de fontes; manejo de suculentas; rosa do deserto e cactos, que vem conquistando espaço paralelo à comercialização das hortaliças, principal arranjo produtivo do assentamento, que é assistido pelo Instituto de Terras e Reforma Agrária de Pernambuco (Iterpe), órgão vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Estado (SDA).

O responsável pela produção das plantas ornamentais é o agricultor Carlos Alberto Correia da Conceição, de 46 anos, que vive há 12 anos no assentamento Galileia, junto com a sua família. “Comecei a manejar e produzir plantas ornamentais nas horas livres, como forma de deixar o sítio mais bonito e aliviar o estresse”, explicou o agricultor, que foi beneficiado pelas ações do Governo do Estado com título de concessão da terra, documento temporário que proporciona a segurança jurídica para os assentados produzirem e acessarem as políticas de desenvolvimento da vida no campo, como o acesso aos créditos rurais.

Com o tempo, a habilidade que começou como lazer se transformou em uma possibilidade de ampliar a renda da família. Atualmente, as plantas ornamentais despontam a comercialização dos produtos da família do agricultor familiar, que produz ainda hortaliças e vende nos mercados de Vitória e de Cavaleiro, em Jaboatão dos Guararapes.

As plantas são cultivadas por meio de um processo de sustentabilidade ambiental, manejadas em vasos confeccionados pela família, a partir da reutilização de materiais que seriam descartados no lixo. O aproveitamento de materiais como isopor, pias quebradas, filtros de barro, pedaços de panos, entre outros artifícios, se transforma em obras de arte, que agregam valor aos produtos comercializados.

HistóriaLocalizado numa área com mais de 500 hectares, o Engenho Galiléia é considerado o primeiro assentamento da América Latina. A história do assentamento é reconhecida no Brasil e na América Latina como o marco da Reforma Agrária, a qual teve início no Nordeste e contribuiu na ascensão das Ligas Camponesas, movimento responsável por reestruturar uma nova postura política em prol da melhoria das condições de vida no campo em todo o país. O movimento de resistência, resultou nas desapropriações de antigos engenhos que se tornaram espaços coletivos, formados por homens e mulheres do campo organizados em associações vivendo do trabalho rural.

Imprensa Iterpe



Prefeitura do Recife monta postos fixos de vacinação antirrábica no Centro e na Zona Norte do Recife

 

A Prefeitura do Recife iniciou, neste sábado (24), a Campanha de Vacinação Antirrábica Animal. A imunização porta a porta de cães e gatos começou por pontos estratégicos dos bairros da Boa Vista e da Encruzilhada, ambos integrantes dos Distritos Sanitários (DS) 1 e 2, respectivamente. Quem mora nessas áreas e não foi visitado pelas equipes da Vigilância Ambiental do Recife pode levar seus pets aos postos fixos de vacinação que serão montados pela Secretaria de Saúde do Recife (Sesau) nesses dois distritos que incluem alguns bairros da Zona Norte e do Centro do Recife.

De segunda (26) a sexta-feira (30), das 8h às 17h, moradores dos distritos 1 e 2 podem levar seus cães e gatos até os 16 pontos que ficarão montados nos bairros de Santo Amaro, Joana Bezerra, Coelhos, Campo Grande, Arruda, Encruzilhada, Água Fria, Dois Unidos, entre outros. Moradores de outras áreas devem aguardar a campanha chegar ao seu distrito sanitário. A relação com os endereços pode ser acessada no site da Prefeitura do Recife. A Gerência de Vigilância Ambiental do Recife recebeu, inicialmente, 150 mil doses da vacina antirrábica para os cachorros e gatos da capital pernambucana. Moradores de outros municípios devem procurar as Secretarias de Saúde de suas cidades.

No primeiro dia da Campanha de Vacinação Antirrábica Animal, 125 agentes de saúde ambiental e controle de endemias (asaces) e 60 voluntários percorreram ruas da Encruzilhada e da Boa Vista nas quais já houve registros de ocorrências de raiva animal. “Estabelecemos um raio de ação e fazemos as visitas de casa em casa, sempre aos sábados. Na semana posterior, elegemos pontos fixos de vacinação tomando cuidado para evitar aglomeração de pessoas, devido à pandemia da covid-19”, explica Jurandir Almeida, gerente de Vigilância Ambiental e Controle de Zoonoses do Recife.

Josirene de Melo Castro, 76 anos, moradora do bairro da Encruzilhada, tem quatro gatos. Apesar de diferentes idades e personalidades, todos eles foram batizados com o mesmo nome: Bebê. Os bebês de dona Josirene receberam, em casa, proteção contra a raiva, neste primeiro sábado de campanha de vacinação antirrábica. "Essa campanha é uma bênção porque, às vezes, a pessoa não pode ir até o local de vacinação. Eu estava preocupada com meus gatinhos porque nenhum deles era vacinado. Agradeço de todo coração".

Próxima etapa – A vacinação porta a porta acontecerá de 15 em 15 dias, sempre aos sábados, até o dia 05 de dezembro. Os locais são escolhidos de acordo com a ocorrência de casos de raiva animal, nos últimos anos. Mais de 1.200 profissionais e voluntários participam do porta a porta e da imunização nos postos fixos. Após encerrar a primeira semana de vacinação antirrábica, a próxima rodada de vacinações de cães e gatos vai ocorrer no dia 07 de novembro, com imunização de casa em casa em pontos estratégicos dos distritos sanitários 3 e 7. 

Na semana seguinte, de 9 a 13 de novembro, serão instalados postos fixos de vacinação nos dois distritos, que incluem bairros como Aflitos, Graças, Tamarineira, Casa Amarela, Casa Forte, Derby, Espinheiro, Alto José do Pinho, Guabiraba, Macaxeira, Morro da Conceição, Nova Descoberta, Vasco da Gama, entre outros. Os endereços serão divulgados na semana anterior a cada ação. Depois ainda será feita a imunização dos animais das Zonas Oeste e Sul do Recife.

Raiva - A raiva é uma zoonose (doença que pode ser transmitida de animais para seres humanos) grave, que afeta o sistema nervoso central e mata em quase 100% dos casos, tanto as pessoas quanto os animais. A doença viral e infecciosa pode ser transmitida pela penetração do vírus contido na saliva do animal infectado, principalmente pela mordida, lambida ou arranhão. Os cachorros com raiva costumam ficar agressivos ou tristonhos, com salivação excessiva, dificuldade para engolir, latido rouco e paralisia das patas traseiras.

A campanha de vacinação antirrábica é garantida pelo SUS porque o objetivo é atingir o ciclo humano. Os animais precisam se imunizar todo ano para garantir a proteção deles e, consequentemente, da população humana. No Recife, 2017 foi o último ano em que foram registrados casos de raiva em um gato e um humano. Em 2018 e 2019, apenas quatro ocorrências foram detectadas, em morcegos. Em 2019, foram vacinados mais de 150 mil animais.

Imprensa Recife

Procon-PE interdita bar Mini Mundo Comedoria,no Janga

 

O Procon Pernambuco realizou mais uma série de fiscalizações durante o fim de semana para verificar o cumprimento dos protocolos do Governo do Estado. Durante todo fim de semana, o órgão de defesa do consumidor realizou ações nos municípios de Olinda e Paulista. O bar Mini Mundo Comedoria, localizado no bairro do Janga, em Paulista, foi interditado na madrugada deste domingo (25.10). O local descumpria todos os protocolos de distanciamento e higiene. A ação aconteceu em conjunto com a Polícia Militar.

Foram 11 estabelecimentos fiscalizados, dois notificados e um interditado. O Caldinho do Dogão, no Carmo, foi notificado porque não estava respeitando o limite máximo de 10 pessoas nas mesas. Já a Bodega do Veio, na Cidade Alta, também em Olinda, foi notificado por ter consumidores circulando sem máscara.

O Mini Mundo Comedoria, no bairro do Janga, estava descumprindo todos os protocolos. Não havia distanciamentos entre as pessoas, consumidores dançando e circulando sem máscara, além de consumo de bebidas e comida em pé, o que também é proibido pelo protocolo.

“As fiscalizações seguirão intensas para garantir que o consumidor tenha a sua segurança e saúde preservadas. Não voltamos ao normal e os empresários precisam adequar seus estabelecimentos às novas regras”, explica o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico.

O Procon Pernambuco já fiscalizou 198 bares e restaurantes e encontrou irregularidades em 34, sete já foram interditados. Os consumidores que presenciarem irregularidades podem fazer denúncias no 0800.282.1512 e até enviar vídeos e fotos para o WhatsApp – 81 3181.7000.

Imprensa Procon PE

PCR promove qualificação técnica para fortalecer o turismo criativo na cidade

 

Dando continuidade às metas do Plano de Turismo Criativo do Recife, a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer, promove a qualificação técnica de aderecistas, artesãos e moradores de comunidades que atuam com o Turismo Criativo. Neste momento, serão contempladas pessoas das localidades da Ilha de Deus, Bomba do Hemetério, Totó e Quilombo da Xambá. Ao final da capacitação, serão confeccionadas artesanalmente dez placas de sinalização turística que serão instaladas na Ilha de Deus, referência na prática do turismo criativo. 

A formação em Cerâmica Artística será liderada pelo multiartista Leopoldo Nóbrega (foto), com 10 encontros presenciais em seu ateliê, respeitando todos os protocolos sanitários. A formação tem início na próxima quarta-feira (28). “Este é um projeto com alto impacto socioterritorial que vai desenvolver ainda mais novas habilidades artísticas junto aos artesãos participantes. Leopoldo Nóbrega, que assinou nos últimos dois anos a escultura da alegoria gigante do Galo da Madrugada, irá realizar com os artistas locais laboratórios com diversos exercícios criativos, pilotagens e testes”, destacou a secretária de Turismo, Esportes e Lazer do Recife, Ana Paula Vilaça.

No Recife, a ocupação do cenário urbano como ambiente de exposição e sinalização cultural tem crescido nos últimos anos. A gestão municipal vem transformando a cidade em uma galeria a céu aberto, com atrativos artísticos por toda parte. Após os encontros formativos, os artistas envolvidos na capacitação em Cerâmica Artística irão co-construir as dez placas sinalizativas que serão implantadas na Ilha de Deus. A iniciativa também prevê um rodízio dessas sinalizações nas demais comunidades envolvidas.

Imprensa Recife

Celpe em Petrolina para serviços de manutenção da rede elétrica para a chegada do Verão

 

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) tem realizado ações de manutenção e melhoria da rede elétrica no município de Petrolina. Com a alta das temperaturas, os clientes passam a utilizar equipamentos de refrigeração na potência máxima, especialmente aparelhos de ar condicionado e refrigeradores, exigindo maior disponibilidade de cargas. Para atender a essa demanda e identificar eventuais sobrecargas, a Celpe tem realizado medição, inspeções e monitoramento, além de promover a troca e a modernização de equipamentos.

O sistema de distribuição que supre o município foi reforçado com a substituição de 16 quilômetros de rede de média tensão convencional por cabos protegidos. Além disso, a rede de baixa tensão recebeu 77 quilômetros de cabos multiplexados, fiação isolada que confere mais confiabilidade ao fornecimento de energia e segurança para a população.

“As ações visam assegurar a continuidade do fornecimento aos moradores”, acentuou o supervisor da Celpe em Petrolina, Pedro Pinto. “A iniciativa também tem o objetivo de conferir mais qualidade e confiabilidade ao sistema que atende ao município”, observou.

Entre as intervenções executadas em caráter preventivo, 1.412 podas foram realizadas para evitar o toque de galhos nos fios elétricos, prevenindo ocorrências ao fornecimento de energia e estão programadas quase 900 podas até o final de dezembro. A Celpe efetuou ainda oito obras de melhoria da qualidade de tensão com substituição de transformadores, aumento da potência instalada e reforço na rede, visando a melhoria da qualidade da tensão fornecida. Outras duas ações de melhoramento estão previstas para serem concluídas até o fim de outubro, em que cerca de 4,4 quilômetros de rede serão substituídos.

Foram instalados, ainda, 30 religadores e um regulador de tensão, visando a qualidade do fornecimento e maior agilidade no restabelecimento de energia em casos de interrupção. As intervenções estão sendo executadas por equipes especializadas, evitando assim, necessidade de suspensão do fornecimento de energia durante as ações.

Imprensa Celpe

Equipe da DCON/SCGE participa de evento sobre transferências da União

 

Realizado na semana de 19 a 23 de outubro, o “V Fórum Nacional das Transferências da União” contou com a expressiva participação dos servidores que integram a Diretoria de Convênios e Regularidade (DCON) da Secretaria da Controladoria-Geral do Estado (SCGE).

Promovido de forma 100% online e 100% gratuito, o evento teve como proposta, fortalecer a governança, a melhoria da gestão e o controle, bem como apresentar e discutir as inovações empreendidas, experiências e boas práticas no âmbito das transferências da União.

“Foi uma semana de grande aprendizado para todo o nosso grupo. Uma boa oportunidade de agregar novos conhecimentos e experiências na rotina das nossas atividades”, destacou a diretora do DCON, Thaís Oliveira, ressaltando que a capacitação permanente e contínua faz parte da rotina dos servidores de todas as áreas da SCGE.

Organizado pelo Ministério da Economia, por meio da Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, o Fórum contou com palestras de especialistas de várias esferas de governo – federal, estadual e municipal – de todo o País, que apresentaram conteúdos teóricos e práticos.

Toda programação foi pensada e direcionada para gestores; servidores; colaboradores; membros de órgãos e entidades públicas dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, envolvendo gestão e controle; organizações da sociedade civil; instituições municipalistas e privadas; além interessados no tema.

Imprensa SCGE PE