28/11/2013

Lar do Nenen marca presença na FENEKIDS

O Lar do Nenen estará com seu estande no próximo dia 28 de novembro até o dia 1 de dezembro, na FENEKIDS, Feira de Criança e Gestante do Nordeste, no Centro de Convenções de Pernambuco expondo seus produtos. No evento, serão comercializadas roupas, bijouterias, artigos para o lar, artesanato, além de objetos e artigos confeccionados pelas voluntárias do instituição. A venda dos produtos será em prol das crianças que são atendidas na organização. A Assossiação Lar do Nenen é uma Organização Não Governamental, formalmente constituída em 13 de fevereiro de 1978, na cidade do Recife.Sobrevive de doações e é uma das entidades sociais que acolhe crianças em situação de abandono ou risco. Atualmente, a entidade conta com 80 colaboradores, sendo 30 voluntários. Entre os serviços prestados com as crianças, há refeições, recreação, além de todos os cuidados com a higiene pessoal.

A oficina é uma das grandes ações que a instituição organiza com ajuda direta de familiares e funcionários. Os pais recebem orientação e são convidados a se integrar nas oficinas pedagógicas e de artesanatos cujo objetivo é a elevação da auto-estima, fortalecendo os vínculos familiares. A cargo dos voluntários ficam ainda bazares e vários eventos para captação de recursos.O bazar precisa de doações.

Estará aberto o estande do Lar do Nenen na FENEKIDS, funcionando entre 14h as 22h . Os interessados em ajudar o Lar do Nenen pode contribuir doando fraldas, leite, material de higiene pessoal e limpeza.

Lar do Nenen:

Rua Menezes Drumond, 284-Madalena-fone 32280123-Recife.PE

Funcionamento: Segundas, Terças, Quartas e Sextas-feiras das 09:00 às 16:00

12/11/2013

Debate para conhecer espaço das mulheres no meio artístico

A inserção das mulheres em manifestações culturais como o maracatu, o Hip Hop, entre outras foram algumas das questões debatidas durante a realização do I Seminário “Expressões Artísticas e as Questões de Gênero”, promovido pela Secretaria Estadual da Mulher em parceria com a Secretaria de Cultura de Pernambuco e Fundarpe. O evento ocorreu durante dois dias no Recife. Além de palestras, também contou apresentações artísticas.

O seminário objetivou levar à reflexão dos participantes questões sobre a perspectiva de gênero nas políticas públicas de cultura, contribuindo para a promoção dos direitos culturais das mulheres, dando visibilidade às suas diversas expressões, tradições e manifestações artísticas. O evento contou com a presença de pessoas ligadas à cultura, gestoras de políticas públicas para as mulheres, representantes de movimentos feministas, entre outros.

A mesa de abertura do evento, realizada na noite da terça-feira, contou com a participação da Secretária da Mulher, Cristina Buarque e do Diretor de Políticas Culturais da Fundarpe, André Brasileiro, que representou o secretário da Cultura, Marcelo Canuto, e a Gerente de Programas e Ações Temáticas da SecMulher, Alessandra Rios.

Cristina Buarque provocou a plateia presente ao seminário ao questionar o número de homens que conseguiram se destacar nas artes até a contemporaneidade, “será que apenas os homens chegaram lá ou não houve espaço para as mulheres mostrarem os seus talentos? Muitas mulheres até usavam pseudônimos masculinos para identificarem suas obras, até neste espaço as mulheres foram limitadas”.

Ela comentou ainda que as mulheres tem que conquistar espaços também no meio artístico. Cristina Buarque anunciou que seminários similares serão realizados anualmente, para que sejam debatidas determinadas situações vivenciadas por mulheres nas manifestações culturais, “os encontros servirão para buscar as soluções para essas questões”, comentou a Secretária.

Já o diretor da Fundarpe, André Brasileiro, afirmou ser muito importante a realização deste tipo de seminário onde são discutidas as questões de gênero “vamos cada vez mais fortalecer essa parceria com a SecMulher”, disse o diretor.

Por compreender que Gênero é uma categoria de análise que não deve ser pensada isoladamente, a Secretaria da Mulher propôs em sua programação palestras que contemplaram as dimensões de raça e etnia, sexualidade, geração e classe social. Dentro dessa proposta foram apresentados trabalhos que problematizaram questões de gênero no mundo da moda, música, hip hop, maracatu e literatura.

As palestrantes enfatizaram a importância do seminário, visto que um evento com essa temática específica ocorre de maneira pioneira no país, dentre os vários eventos de grande e pequeno porte que abordam a temática de gênero e de cultura, até agora nenhum fez essa pareceria de maneira tão expressiva. Uma proposta inovadora e ousada que ganhou o reconhecimento de todas/os que compareceram ao teatro.

Programação – O primeiro tema a ser debatido foi Gênero e Arte: Processos criativos e artísticos atrelados aos estudos de gênero, raça/etnia e sexualidade, tendo como palestrantes as professoras da Universidade Federal da Bahia, Laila Rosa e Carol Barreto, e como debatedora a professora da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE, Lucia Helena Guerra. Após os debates, houve a apresentação artística de BemDita.

Na quarta-feira foram realizadas duas mesas redondas. O primeiro tema foi Gênero e Cultura Popular: naturalização das artes e das tradições e impactos em políticas de cultura com as professoras da UFPE Lady Selma, Jaileila Menezes e Dayse Luna. O segundo tema foi Violência de gênero: perspectivas e contextos nas linguagens artístico-culturais, com a representante da Ação Mulher Maria Áurea e da Professora da PUC, Fernanda Felisberto, sob a coordenação da Antropóloga e Pesquisadora, Jeiza Saraiva. A apresentação cultural ficou por conta do Grupo Saruê (foto).

Secretaria da Mulher de Pernambuco

Entidades pró-agricultura familiar conseguem adiar votação de sementes transgênicas

No Dia Mundial da Alimentação, representantes das organizações e movimentos que apoiam a campanha Diga não aos exterminadores de sementes! Contra o Projeto de Lei 268/2007 no Brasil entregaram a petição e todas as assinaturas ao presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara, Dep. Décio Lima. Este fato fez com que o mesmo se comprometesse a não colocar este projeto de lei em votação no ano de 2013. Esta foi uma conquista e tanto para agricultura familiar e da soberania alimentar e nutricional do Brasil!

Porém, nada impede que outra(o) deputada(o) solicite que o projeto de lei entre em pauta. E caso este projeto seja aprovado, permitirá a produção e comercialização de sementes transgênicas suicidas, ou seja, sementes conhecidas como TERMINATOR, que após a colheita não voltam a germinar, obrigando os agricultores a comprar sementes a cada safra. Essas sementes ainda possuem alto risco de tornar também estéreis as que estejam sendo cultivadas em propriedades próximas.

Portanto, É MUITO IMPORTANTE que toda a sociedade continue se manifestando junto aos Deputados que compõem a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJC) sobre os gravíssimos riscos da perda de biodiversidade do País e da insegurança alimentar que esse projeto ameaça trazer, pedindo, portanto a sua REJEIÇÃO.

Continuaremos acompanhando este processo e informando a todos e todas sobre o seu andamento. Agradecemos contamos com a sua solidariedade para, juntos, preservarmos e protegermos a biodiversidade e agricultura familiar e camponesa do Brasil!

Esta é uma campanha organizada por (em lista alfabética):

ActionAid Brasil

ANA – Articulação Nacional de Agroecologia

AS-PTA

Centro Ecológico

Centro Sabiá

CONTAG

Cooperativa AECIA

Cooperativa Econativa

CTA - ZM

FASE - Federação de Órgãos para a Assistência Social e Educacional

FBSSAN - Fórum Brasileiro de Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional

FESANS/RS

Grupo ETC

GEA - Grupo de Estudo em Agrobiodiversidade

Movimento dos Pequenos Agricultores

MMTR-NE

MST

Multirão Agroflorestal

Plataforma Dhesca Brasil

Rede de Mulheres Negras para Segurança Alimentar

Rede Ecovida de Agroecologia

Terra de Direitos

Via Campesina Brasil

Secretaria de Ressocialização condecora autoridades

A SERES concede amanhã a Medalha do Mérito Penitenciário a diversas personalidades que realizam papel de destaque em prol do Sistema Prisional de Pernambuco e da ressocialização. O evento vai ser às 16h, no Clube dos Oficiais da Polícia Militar de Pernambuco.

Alguns dos agraciados: Francisco Lacerda Dantas (presidente do TRF - 5ª Região), Décio Padilha (sec. estadual de Administração), Pedro Eurico (sec. estadual da Criança e da Juventude), Adilson Gomes Filho (prefeito de Moreno) , Mônica Ribeiro (vereadora de Olinda) e Marcelo Diniz Cordeiro (superintendente regional da PF).

Secretaria de Ressocialização de Pernambuco

Projeto Salve Sertão arrecada donativos para Natal Solidário em Arcoverde

Os voluntários do projeto “Salve Sertão”, desenvolvido por alunos e professores da Faculdade Estácio do Recife, estão recebendo doações de brinquedos, alimentos não perecíveis e água para fazer um natal solidário em uma região carente da cidade de Arcoverde, sertão pernambucano. O grupo está arrecadando os donativos até o dia 13 de dezembro, num estande montado na sede da Faculdade Estácio do Recife (Av. Engenheiro Abdias de Carvalho, 1678, Prado). Além disso, o grupo também está realizando um brechó até esta quinta (14), e toda a verba será revertida para a ação.

As doações vão ser levadas para Arcoverde no dia 14 de dezembro. Lá, os voluntários irão promover um dia de atividades e brincadeiras para as crianças e moradores. “É importante afirmar que o objetivo primordial do salve sertão, como projeto de extensão, é incentivar o voluntariado. A intenção não é só a entrega das doações e, sim, usar os professores e alunos a aplicarem os conhecimentos adquiridos na melhoria das condições dos menos favorecidos. Será uma grande experiência de solidariedade”, finalizou o coordenador do projeto e professor de Direito da instituição, Guido Cavalcanti.

A Estácio frisa que a ação está aberta para a participação de pessoas que não fazem parte da faculdade. Para mais informações é só entrar em contato com os voluntários pelo www.facebook.com/SalveSertao ou pelo telefone 8713.9786.

Prata do Vale faz investimentos e aumenta a produção de água mineral‏

Pernambuco é o segundo maior produtor de água mineral do Brasil, sendo uma das melhores águas do País, junto com MG. E visando aumentar esse patamar, a Água Mineral Prata do Vale fez recentes investimentos em maquinário que irão proporcionar um aumento na produção em 30% ao mês. Atualmente a empresa envasa 120 mil litros de água por dia. O Carro chefe é o Garrafão de 20 litros, também são envasados garrafões de 10 e 15 litros, copos de 300 e 200 ml, além de garrafas de 350 ml sem e com gás.  
Atuando no mercado desde 1995, a Prata do Vale fica localizada em duas cidades da Região Metropolitana do Recife. Um riacho corta a terra de ponta a ponta, divide a Prata do Vale e separa as cidades de Olinda e Paulista. Hoje a Prata do Vale emprega 50 funcionários diretos e cerca de 800 funcionários indiretos. 
Segundo Fábio Fonseca, Gerente Comercial, em relação aos seus principais concorrentes, a qualidade da água Prata do Vale é a mais pura devido a vários fatores, entre eles a formulação físico química natural, comparada com os concorrentes, podendo citar a leveza com apenas 19mg/l de resíduo de evaporação, o balanceamento satisfatório entre os mineiras da sua composição entre eles, o sódio, com apenas 5mg/l, na fonte Lêda.  
“A Prata do Vale, desde sua abertura, nunca foi fechada, nem nunca teve sua produção paralisada pela APEVISA – Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária, DNPM – Departamento Nacional de Produção Mineral, ou qualquer órgão competente, mesmo sendo frequentemente visitada e fiscalizada pelos mesmos. O exigente controle na seleção e limpeza dos garrafões. Como são embalagens retornáveis, deve-se haver bastante rigor nesses requisitos. Além da limpeza e assepsia das fontes, dos canos e do reservatório de inox, onde a água é acumulada após sair da fonte e antes de ir para a produção de envase”, explica Fábio Fonseca.


Ipojuca no combate à tuberculose

A Secretaria Municipal de Saúde está integrada à Campanha Estadual de Combate à Tuberculose, “Está na hora de se tratar, Tuberculose pode matar”, e fez campanha na manhã de hoje. A doença é infectocontagiosa causada pela bactéria Mycobacterium tuberculosis ou Bacilo de Koch (BK), que afeta principalmente os pulmões.
Os técnicos da Diretoria Geral de Atenção Básica da Saúde conversaram com os pedestres e entregaram panfletos com orientações sobre a doença e onde os pacientes podem procurar unidades para realizar o tratamento. A ação conta também, com distribuição do pote para a coleta do material (que não será feito na hora, pois é necessário o jejum) para as pessoas que estão apresentando alguns sintomas.
A campanha recebeu a personagem Katirina, que de forma teatral anima e dá dicas durante a programação. A população ainda contou com aferição de pressão arterial e o teste rápido da glicose (HGT), que estão sendo realizados gratuitamente.
A tuberculose é transmitida por via aérea em quase todos os casos. A infecção ocorre a partir da inalação de gotículas contendo bacilos expelidos pela tosse, fala ou espirro do doente. O tratamento dura seis meses e leva à cura da doença, desde que o paciente se comprometa ao uso diário da medicação.
Secretaria de Imprensa de Ipojuca

05/11/2013

Está faltando água no Sistema Alto do Céu

A partir de hoje (5), a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) vai paralisar o Sistema Alto do Céu para a realização de reparos emergenciais em uma tubulação. Com isso, 39 bairros das zonas Norte e Oeste do Recife terão o fornecimento de água suspenso por 24 horas. O abastecimento ficará interrompido entre as 17h desta terça-feira (5) e as 17h desta quarta (6).

O vazamento ocorreu em uma tubulação na Rua Auriflama, no bairro do Fundão. Para evitar desperdício de água e garantir o abastecimento regular à população, a Compesa está realizando o reparo em caráter emergencial no sistema. Para isso, será preciso esvaziar um reservatório no Alto do Céu e parar toda a produção, manobra que deve durar cerca de dez horas.

Como a caixa d’água precisa ser totalmente esvaziada antes da realização do serviço, o prazo dado pelos técnicos para o restabelecimento do fornecimento de água é de 24 horas. Dez profissionais estarão envolvidos nos trabalhos.

Informações e dúvidas: 0800 081 0195



Imprensa Compesa

Marinha: Últimos dias para inscrição de médicos

Os interessados em participar do Concurso Público para ingressar como Médico no Corpo de Saúde da Marinha têm até o dia 7 de novembro de 2013 para se inscrever. Dentre as 71vagas previstas em Edital, 48 destinam-se ao preenchimento em âmbito nacional e 23 estão divididas entre regiões sob a jurisdição da Marinha do Brasil, com sedes nas cidades de Salvador (BA), Natal (RN), Belém (PA), Rio Grande (RS), Ladário (MS) e Brasília (DF).

Os interessados poderão fazer a inscrição através do endereço eletrônico da Diretoria de Ensino da Marinha (www.ingressonamarinha.mar.mil.br) ou em um dos postos de inscrição da Marinha. O valor da inscrição é de R$ 45,00.

Candidatos de ambos os sexos deverão preencher alguns requisitos, tais como: ser brasileiro nato e ter menos de 36 anos de idade no primeiro dia do mês de janeiro de 2014. No entanto, para as vagas oferecidas no âmbito regional, eles deverão possuir, obrigatoriamente, até a data do início do Curso de Formação de Oficiais (CFO), o certificado de conclusão do curso de Residência Médica em serviço credenciado pelo Ministério da Educação ou o Título de Especialista reconhecido pela Sociedade de especialidade médica pertinente, na especialidade escolhida na inscrição no Concurso Público. Estes candidatos deverão ingressar na Marinha do Brasil como especialistas, não estando previsto, na sua carreira militar, a realização obrigatória de cursos de pós-graduação a nível Lato Sensu, para fim de obtenção de Título de Especialista.

As vagas são destinadas aos médicos das seguintes especialidades: Anatomia Patológica, Anestesiologia, Cancerologia, Cardiologia, Cirurgia Cardíaca, Cirurgia Geral, Cirurgia Torácica, Cirurgia Vascular, Clínica Médica, Dermatologia, Gastroenterologia, Geriatria, Ginecologia e Obstetrícia, Hematologia, Infectologia, Medicina Intensiva, Medicina Legal, Medicina Nuclear, Nefrologia, Neurologia, Oftalmologia, Ortopedia e Traumatologia, Otorrinolaringologia, Pediatria, Pneumologia, Proctologia, Psiquiatria, Radiologia, Radioterapia e Urologia.

SERVIÇO:

Concurso Público de Nível Superior - Concurso Público para Ingresso de Médicos no Corpo de Saúde da Marinha (CP-CSM-Md).

Valor: R$ 45,00

Data da prova: 30 de novembro de 2013

Informações: www.ingressonamarinha.mar.mil.br ou (21) 2104-6006

Capitania dos Portos de Pernambuco

Tapeceiras de Lagoa do Carro expõem suas peças pela primeira vez no Recife‏

Conhecida nacionalmente como “terra do tapete”, Lagoa do Carro traz pela primeira vez ao Recife uma exposição com obras de tapeçaria produzidas pelas mestras e artesãs do município. A mostra, que abre o ciclo comemorativo dos 25 anos de fundação da Associação de Tapeceiras de Lagoa do Carro (Astalc), fundada em 1989, acontece entre os dias 8 e 15 deste mês, na Casa da Cultura, no bairro de Santo Antônio, área central do Recife.

Município da Zona da Mata do Estado, situado a 60 Km do Recife, Lagoa do Carro é nacionalmente reconhecido como o maior produtor de tapetes do Nordeste. Segundo dados da Astalc, a tapeçaria movimenta cerca de R$ 50 mil ao ano. A exposição, que conta com cerca de 200 peças em tapeçaria, vai funcionar no hall central da Casa da Cultura. Já a comercialização dos produtos será realizada no 3º piso, Raio Sul, no Box 305, da Casa da Cultura.

Entre os produtos que vão estar à disposição dos consumidores, o carro-chefe do artesanato da região: tapetes. Os itens em exposição, que variam entre R$ 350 e R$ 500, são dos mais variados, bordados com motivos da azulejaria portuguesa, florais e modernas formas geométricas, com luzes e sombras em pontos e nós. Além dos tapetes, também serão comercializados itens em tapeçaria como passadeiras, almofadas e pesos de porta. Os produtos variam entre R$ 10 e R$ 150.

Durante todo o período da exposição, mestras da tapeçaria do munícipio vão estar “ao vivo” tecendo suas peças. Entre os nomes que vão se revezar na Casa da Cultura estão as mestras Luíza Costa, Terezinha Lira, Mauzé do Tapete, Baiá e Creuza Maria de Barros. A exposição também marca o lançamento da 12ª Feira do Tapete e Artesanato de Lagoa do Carro (FETALC), que acontecerá no final deste mês. Os detalhes da feira serão divulgados posteriormente.

ABERTURA - O coquetel que marca a abertura oficial da exposição vai começar às 10h com um coffee break regional. Estarão presentes no evento a presidente da Associação de Tapeceiras de Lagoa do Carro, Risolange Rodrigues, mestras tapeceiras do município e artesãos de todas as regiões do Estado representantes de associações e cooperativas que vão participar da FETALC, além da recém-eleita presidente da Confederação Nacional dos Artesãos, Isabel Gonçalves, que exercerá o cargo de 2013 a 2017. Também prestigia o evento a ex- representante da MINC/NE, representante da ONG Delta Zero, Tarciana Portela; a deputada federal Luciana Santos; o coordenador do Artesanato da Fundarpe, Breno Nascimento e o vereador de Lagoa do Carro e cantor do Grupo Viajante do Forró, Carlinhos Massa.

SERVIÇO – EXPOSIÇÃO TAPEÇARIA DE LAGOA DO CARRO

Período: 8 a 15/11/2013

Local: Casa da Cultura, R. Floriano Peixoto, 905 - Santo Antônio/Recife

Horário de Funcionamento: 2ª a 6ª das 9h às 19h | Sábado das 9h às 18h | Domingo das 9h às 14h

Informações: (81) 8126- 9390 | 97115696 | 9483-6126 | 8755- 2269

Primeira corrida contra o câncer infantil está com inscrições abertas

Transformar a pressa em amiga da perfeição. É nesse trocadilho do bem que o Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer (GAC-PE) se baseou para elaborar a ação da instituição para marcar o Dia Nacional de Combate ao Câncer Infantojuvenil (23 de novembro). Por anos, o GAC-PE reuniu o público para movimentadas caminhadas. Este ano a ideia foi, literalmente, apertar o passo. No dia 24 de novembro, o GAC realiza a Primeira Corrida Contra o Câncer Infantojuvenil do Recife. As inscrições já estão abertas, custam R$ 40 e podem ser feitas até dia 20/11 pelo site http://www.corre10.com.br/site/mais/calendario/calendario-visualizar.php?id=400.

A prova terá largada no Forte do Brum e chegada na Avenida Rio Branco, no Recife Antigo. A concentração será às 7h, com largada prevista para as 7h30. A corrida terá trajetos de cinco ou 10 quilômetros. Os vencedores das duas categorias receberão prêmios, entre eles, uma estada com acompanhante em hotéis da Rede Pestana em todo o Brasil, e seis meses de malhação gratuita nas unidades da Academia Hi. Para realizar o evento, o GAC-PE fechou parceira com uma das mais conhecidas consultorias esportivas do estado, a Corpore Sano. Com 10 anos de história, a empresa já assinou, entre outras, a Meia Maratona Internacional Maurício de Nassau e a Meia Maratona Powerade. A consultoria tem, hoje, mais de 200 corretores amadores assessorados.

Todos os anos, em novembro, o GAC-PE aproveita o Dia de Combate ao Câncer Infantojuvenil para alertar a população sobre a importância do diagnóstico precoce da doença. Se detectada cedo, o câncer em crianças e adolescentes chega a ter até 70% de chance de cura. A equipe de voluntários estará no local prestando esclarecimentos e tirando dúvidas do público sobre o tema. O GAC-PE divulga que são sinais de alerta para a presença dos tumores em crianças: o aumento dos gânglios (localizados no pescoço, axilas, peito, abdômen e virilha), sangramentos em diferentes locais do corpo (pele, gengivas, narinas, ao redor dos olhos ou na urina), dor de cabeça matinal acompanhada de vômitos, manchas brancas nos olhos, sinais azulados na pele, dor óssea que não é aliviada com analgésicos comuns, palidez acentuada, aumento do tamanho do abdômen, febre de origem indeterminada e perda significativa de peso em um curto período de tempo.

Vera Morais, pediatra oncologista do Hospital Universitário Osvaldo Cruz (HUOC) e presidente de honra do GAC, explica que o Brasil está atrás dos países desenvolvidos nos índices de cura do câncer infantil. Ela atribui a defasagem à demora na suspeita do diagnóstico. “Se a detecção fosse realizada precocemente, agilizaria o encaminhamento dos pacientes. Não se pode mais admitir que algumas crianças ainda morram, neste país, não por ter câncer, mas por serem brasileiras”, afirma.

SERVIÇO:

O QUÊ: I Corrida Contra o Câncer Infantojuvenil

ONDE: Saída no Forte do Brum, chegada na Avenida Rio Branco.

QUANDO: Dia 24 de novembro, 7h30.

MAIS INFORMAÇÕES: (81) 3423-7633

INSCRIÇÕES: http://www.corre10.com.br/site/mais/calendario/calendario-visualizar.php?id=400

Secretaria da Mulher inaugura duas unidades móveis de enfrentamento à violência nas zonas rurais

Uma parceria entre os Governos do Estado e o Federal vai permitir uma maior articulação para realização de ações enfrentamento da violência contra a mulher na área rural de Pernambuco. Neste sentido, será firmado um convênio entre a Secretaria Estadual da Mulher e a Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM-PR).

A cerimônia de assinatura do termo de compromisso será realizada na próxima quarta-feira, 06, a partir das 16 horas no salão de eventos da sede provisória do Governo, no Centro de Convenções, em Olinda, e contará com as presenças do Governador Eduardo Campos, da ministra Chefe da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM-PR), Eleonora Menicucci, da Secretária da Mulher, Cristina Buarque, representantes dos Organismos Municipais de Políticas para as Mulheres (OPMs), entre outras.

Na ocasião serão entregues duas unidades móveis, que vão ser utilizadas pela SecMulher para atender as vitimas de violência no campo e na floresta e também para disseminar campanhas e informações de enfrentamento da violência contra a mulher nestas áreas.

Dos 184 municípios pernambucanos, apenas três não possuem área rural (Recife, Paulista e Camaragibe). A primeira campanha a ser veiculada após a cessão das unidades moveis será a “Violência Contra a Mulher não dá Frutos”, que objetiva sensibilizar e conscientizar a população rural de Pernambuco, no sentido de criminalizar o machismo,divulgando os mecanismos garantidos na Lei Maria da Penha (de nº 11.340) para a punição dos agressores.

Também será difundida a Rede Pernambucana de Atendimento à Mulher em Situação de Violência.

Nos locais visitados, equipes da Secretaria estarão promovendo palestras educativas sobre o fenômeno da violência contra a mulher e sobre a Lei Maria da Penha, distribuição de material educativo, incluindo a Rede de Atendimento e a Central Cidadã Pernambucana (0800.281.81.87) e atendimento individual.

Secretaria da Mulher de Pernambuco

Cesta básica tem leve alta no Grande Recife e em Caruaru

A cesta básica sofreu uma leve alta na Região Metropolitana do Recife (0,28%) e em Caruaru (1,48%). A cesta básica está mais barata em Vitória de Santo Antão (-0,58%) e Cabo de Santo Agostinho (-3,45%).

O preço médio da cesta básica foi de R$266,95 na RMR, R$263,93 em Caruaru, R$257,31 em Vitória e R$256,05 no Cabo de Santo Agostinho. O PROCON-PE calculou ainda o impacto do valor da cesta básica no salário mínimo atual. Na RMR foi de 39,37%, em Caruaru 38,93%, em Vitória 37,95% e no Cabo 37,77%.

Os itens de limpeza doméstica e higiene pessoal como sabão em pó, água sanitária, lã de aço, creme dental e sabonete, foram os que puxaram o aumento da cesta básica.

PESQUISA- O objetivo da pesquisa da cesta básica realizada pelo PROCON-PE é oferecer ao consumidor pernambucano um instrumento auxiliar para a determinação de compras mais racionais do ponto de vista do preço, permitindo-o ter uma visão mais clara da incidência de cada produto sobre seu orçamento doméstico. A pesquisa toma como base a cesta básica mensal para uma família composta por quatro pessoas, sendo dois adultos e duas crianças.

O levantamento é realizado em 20 estabelecimentos da Região Metropolitana do Recife (Recife, Olinda, Paulista, Abreu e Lima), 09 no Cabo de Santo Agostinho, 22 em Caruaru e 12 em Vitória de Santo Antão. A análise dos preços é feita nos 27 itens de maior participação na variação do valor médio da Cesta Básica, entre alimentação, limpeza doméstica e higiene pessoal.

O diferencial da pesquisa do PROCON-PE em relação as que são realizadas por outros institutos, é que neste levantamento, é possível identificar o preço de cada item por estabelecimento, fornecendo assim ao consumidor, os locais e endereços onde o produto encontra-se mais acessível.

RESUMO DA PESQUISA CESTA BÁSICA PROCON-PE:

Variação da cesta básica:

RMR– alta de 0,28%

CARUARU– alta de 1,48%

VITÓRIA– baixa de -0,58%

CABO– baixa de -3,45%



Impacto do valor da cesta básica no salário mínimo:

RMR– 39,37%

CARUARU– 38,93%

VITÓRIA– 37,95%

CABO– 37,77%



Valor médio da cesta básica:

RMR– R$ 266,95

CARUARU–R$ 263,93

VITÓRIA–R$ 257,31

CABO– R$ 256,05



Imprensa Procon/PE

Votorantim Cimentos lança o primeiro Relatório Integrado com destaque para a expansão no Brasil e internacionalização

A Votorantim Cimentos acaba de lançar seu primeiro Relatório Integrado, que contém as informações financeiras, sociais e ambientais, relativas ao ano de 2012, período que a consolidou como uma das maiores produtoras globais do setor cimenteiro, com a expansão internacional para seis novos países.

As novas aquisições são frutos da integração de ativos estratégicos da portuguesa Cimpor, maior participação na uruguaia Artigas e aumento na participação da argentina Avellaneda. A companhia também reforçou sua presença no Brasil com a inauguração de mais uma fábrica de cimento em Cuiabá (MT) e fortaleceu sua atuação nas regiões Nordeste e Sul, com as ampliações das moagens de Laranjeiras (SE), Salto de Pirapora (SP) e Rio Branco do Sul (PR), respectivamente. No total, os investimentos para expansão em fábricas de cimento, moagens e concreto, manutenções e projetos de saúde, segurança e meio ambiente somaram mais de R$ 1,5 bilhão.

Frente ao comprometimento com as melhoras práticas em sustentabilidade, sempre atreladas à estratégia de negócio e ao modelo de governança, a Votorantim Cimentos obteve a classificação A+ segundo a metodologia Global Reporting Initiative (GRI). “Trata-se de um reconhecimento muito importante, pois é fruto de nosso compromisso com as comunidades onde atuamos e os demais públicos de interesse, de forma transparente e de longo prazo. Pretendemos aprimorar ainda mais a nossa atuação, mantendo os patamares de excelência e buscando iniciativas que contribuam para o crescimento e desenvolvimento sustentável da empresa e do setor“, explica Edvaldo de Araújo Rabelo, diretor técnico da Votorantim Cimentos.

Pela primeira vez, a empresa submeteu seu escopo de atuação à consulta de 28 stakeholders externos (investidores institucionais, especialistas, setor financeiro, mídia, governos, órgãos públicos, terceiro setor e associações de classe) e 23 profissionais no âmbito interno, entre diretores e gerentes gerais, com apoio da BSD Consulting. A consulta foi realizada pela Votorantim Industrial no primeiro semestre de 2012.

Em relação ao meio ambiente, vale destacar o alinhamento com as diretrizes do Cement Sustainability Initiative (CSI) no primeiro ciclo (2005-2012) com êxito. No caso das emissões, por exemplo, em 2012 atingimos a redução de CO2 (kg CO2/t) em 23,9% e material particulado em 30,8%. Outra conquista relevante, foi a economia de aproximadamente 6,8% no consumo total de energia elétrica nas unidades, na comparação ano contra ano. Para continuar contribuindo com a preservação da biodiversidade, foram renovadas as parcerias com a Sociedade Brasileira de Espeleologia (SBE) e a Reserva da Biosfera da Mata Atlântica.

No âmbito social, os projetos, em parceria com o Instituto Votorantim, receberam investimento de R$ 17,2 milhões nas áreas de cultura, esporte e trabalho. Vale destacar os novos Conselhos Comunitários formados – em Xambioá (TO), Laranjeiras (SE), Cuiabá (MT), Sobradinho (DF), Itaú de Minas (MG), Sobral (CE), Jaboatão dos Guararapes (CE), Salto (SP) e São Luis (MA), Cantagalo (RJ), Rio Branco do Sul (PR), Vidal Ramos (SC) e Imbituba (SC) –, cuja relevância consiste no engajamento entre empresa e a comunidade. A companhia também foi responsável pela capacitação de 421 jovens, em 10 municípios, em conjunto com SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) e o CEFET (Centro Federal de Educação Tecnológica), para oportunidades de emprego tanto na Votorantim Cimentos quanto em outras empresas da região.

Em 2013, foram os cursos de capacitação profissionais foram realizados nos seguintes municípios: Edealina (GO), Primavera (PA), Xambioá (TO), Laranjeiras (SE), Sobral (CE), Sobradinho (DF), Rio Branco do Sul (PR), Pinheiro Machado (RS), Salto (SP), Votorantim (SP), Paulista (PE), São Luis (MA), Vidal Ramos (SC), Imbituba (SC), Seropédica (RJ), São Paulo (SP), Jaboatão dos Guararapes (PE) e Lauro de Freitas (BA).

Precioso Mascate no Paço Alfândega

O Paço Alfândega irá receber, mais uma vez, a tradicional Feira de Antiguidades Precioso Mascate. Diferente das outras edições, neste mês a feira vai ocorrer no segundo domingo, dia 10, reunindo colecionadores e amantes da arte na Praça Central do Centro de Compras.

A feira vai expor mais de 500 peças entre elas vasos, porcelanas, lustres, arte sacra, esculturas, pratarias e outros artigos de valor histórico e artístico de séculos passados, principalmente do século XIX, provenientes de diversos lugares do mundo.

A Feira Precioso Mascate tem acesso gratuito e funciona das 12h às 21h. As pessoas que forem ao evento irão conferir peças de 34 renomados expositores do Recife, Natal (RN) e João Pessoa (PB), entre eles: Thereza Brennand, Marilene Moreira, Liliana Figueiredo, Rose Spinelli, Fernando Vila Chan, Carlos Benevides, Fernando Cascão, Rosana Lemos e Evelin Carvalho, Vera Costa e Rosa Spinelli.

Para saber mais sobre as atividades e a programação do Paço Alfândega acesse o site www.pacoalfandega.com.br

Aulas do Progestor em Ipojuca começam dia 09

Foi adiada para este sábado, dia 9, a aula inaugural do Curso de Aperfeiçoamento que integra o processo seletivo do PROGESTOR, o programa de formação continuada para Diretor Escolar e Diretor Adjunto da rede municipal de educação do Ipojuca. A aula, que aconteceria neste sábado, dia 2, no Hotel Armação, em Porto de Galinhas, foi adiada por conta do Dia de Finados. Secretaria de Imprensa de Ipojuca

Compesa passa a cobrar multa de empresas sem caixas de gordura

A partir de agora, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) irá intensificar as fiscalizações e aplicações de multas para os estabelecimentos comerciais que não possuem caixas retentoras de gordura ou que não realizam as manutenções periódicas. Quando a gordura não é retida por essas caixas e alcança a rede, ela se torna rígida e pode obstruir por completo a tubulação, ocasionando extravasamentos de esgoto nas vias. O foco das ações será bares, restaurantes, padarias, shoppings e lanchonetes, onde há produção de alimentos em larga escala. A decisão foi tomada em virtude do grande número de serviços de manutenção atrelados à essa questão.

Nos primeiros dias de operação do Programa Cidade Saneada (PPP do Saneamento), a obstrução das caixas de gordura foi um dos principais problemas encontrados nas redes de esgoto. O balanço de 100 dias do programa, mostrou que 60% das demandas registradas estavam relacionados à caixa de gordura. Segundo o diretor de Novos Negócios da Compesa, Ricardo Barretto, nos 50 primeiros dias do programa foram geradas 44 ordens de serviço apenas no bairro do Espinheiro, na Zona Norte do Recife. Desse total, 32 deles tinham a caixa de gordura como causa. Sete delas foram reincidências. “Outro bairro que chamou a nossa atenção foi o das Graças, com 26 ordens de serviços, sendo 12 relacionadas ao problema de gordura e outras três reincidências”, afirma.

A problemática da caixa de gordura foi transformada em um programa, chamado de Caixa Limpa, que irá percorrer os estabelecimentos autuando e multando para que a questão seja efetivamente resolvida. Os transtornos e os danos causados às tubulações de esgoto gerados pelo excesso de gordura ficaram mais evidentes nos primeiros 100 dias do Programa Cidade Saneada. Agora, com o apoio do parceiro privado, a Foz, a Compesa tem mais estrutura para fiscalizar, autuar e multar os estabelecimentos que não estejam cumprindo os Decretos 18.251 (21/12/1994) e 33.354 (29/04/2009) e a Resolução nº 04 da ARPE, que normatizam essa questão.

A responsabilidade da construção e manutenção do equipamento é do proprietário do estabelecimento. Compete à Compesa fornecer o suporte técnico necessário para que os imóveis possam se adequar às exigências dos decretos. A partir da constatação de um desses problemas, o proprietário será autuado e terá um prazo de 10 dias para apresentar a sua defesa. Após esse período,se as questões não forem resolvidas, a Compesa aplicará uma multa no valor correspondente a duas faturas. Se o proprietário insistir na irregularidade, os valores serão cobrados em dobro. O proprietário precisa manter a caixa de gordura limpa, ação que impede o entupimento das redes de esgoto. “A periodicidade dessas manutenções é determinada pelo volume de gordura produzida pelo estabelecimento”, explica Ricardo Barretto.

O presidente da Compesa, Roberto Tavares, acredita que essa problemática será sanada a partir da intensificação das fiscalizações e aplicação das multas. “O lançamento indiscriminado de gordura na rede causa prejuízo financeiro, mas principalmente à saúde das pessoas, que têm que conviver com esgoto nas ruas”, afirmou. O presidente também alertou para outro grave problema: o despejo de material inadequado nos poços de visita (local por onde os técnicos realizam serviços de manutenção) ou nas bacias sanitárias, que acabam chegando nas estações de tratamento de esgoto ou provocando obstruções no caminho das tubulações (rede). “Pedimos a compreensão e a colaboração da população e dos empresários para acabamos com esses dois graves problemas que prejudicam milhares de pessoas todos os dias”, finalizou.

Um trabalho de conscientização da população também está sendo realizado pela Compesa em parceria com a Foz nas comunidades. “Estamos ampliando o trabalho já desenvolvido pela Compesa para esclarecer o papel importante da sociedade e acabarmos com essa situação desagradável, que é o esgoto no meio da rua”, observou o presidente da Foz, Pedro Leão.

Mais informações sobre a caixa de gordura estão disponíveis no site do Programa Cidade Saneada: www.cidadesaneada.com.br

Imprensa Compesa

Livro sobre o pioneiro do cinema pernambucano será lançado na FLIPORTO

Fruto de uma pesquisa de mais de 5 anos, o jornalista Nelson Sampaio Júnior irá lançar Ary: Um bandeirante do cinema brasileiro, pela Editora Bagaço por ocasião dos 90 anos de existência do cinema pernambucano. Rico em fotografias raras e documentos inéditos este livro objetiva apresentar a trajetória do cineasta Ary Severo, uma das maiores personalidades do cinema mudo pernambucano (o Ciclo do Recife 1923-1931) no contexto brasileiro.