Sabores da Tia Val

Sabores da Tia Val
Encomendas pelo Direct do lnstagram

WTF? Translate here!

quinta-feira, novembro 25, 2021

50 anos de amizade não são 50 dias

 

Ex-alunas da turma de 1971 do curso ginasial do Colégio da Imaculada Conceição vão celebrar este ano 50 anos de amizade. Para marcar a data histórica será realizada uma missa de Ação de Graças neste sábado, dia 27 de novembro às 10 horas, na capela do educandário, seguido por almoço e encontro festivo nas dependências da escola.

“Conseguimos reunir 26 colegas”, explica Joseline Carneiro Leão, uma das ex-alunas e organizadora da festa. “Este é um momento único nas nossas vidas, cheio de significados, amor, amizade e companheirismo construído ao longo de décadas”.

Ela lembra, que tiveram muita preocupação em não poder realizar a festa por conta da pandemia. Mas tiveram fé, vontade, otimismo e perseverança de que daria tudo certo. Para marcar a data foi criada uma hastg do grupo #quemoimaculadauniuninguemsepara.

A escola foi fundada em 1853 fruto do sonho do santo cappuccino Frei Caneca de Messina e funciona até hoje no bairro do Barro em Recife.

Serviço:
50 anos do Ginasial do Colégio da Imaculada Conceição
Missa de Ação de Graças
Dia: 27 de novembro (sábado) às 10hs
Local: Av. Dr. José Rufino, 2184 – Barro – Recife/PE

O Home Center Ferreira Costa promove Natal Solidário 

 

Receber presentes de Natal no final de ano já faz parte da tradição de muitas famílias, mas é exatamente nesta época que as crianças em situação vulnerável se sentem mais desamparadas. Pensando nisso, a Ferreira Costa promove em suas lojas mais um Natal Solidário.

Todos os anos, Home Center realiza a ação de arrecadação de brinquedos para crianças carentes. Para participar, basta escolher uma das cartinhas da nossa árvore de Natal, comprar o brinquedo que a criança escolheu e entregar na loja até o dia 10 de dezembro.

As árvores estarão na entrada das lojas da Imbiribeira, Tamarineira, Garanhuns, Caruaru, João Pessoa, Aracaju e Salvador, e as crianças contempladas ficam em instituições próximas a essas localidades.

Os presentes podem ser entregues na própria loja. A Ferreira Costa se encarregará de entregar todas as contribuições nas instituições beneficiadas até o dia 18 de dezembro.

Em Garanhuns, serão presenteadas 194 crianças da Creche Lúcia Helena. Já em Caruaru, serão presenteadas 260 crianças do CENTRO DE EDUCAÇÃO POPULAR IRMÃ WERBURGA – CEPIW e do LAR DA CRIANÇA NOSSA SENHORA DO CARMO. A loja localizada na Imbiribeira irá presentear 80 crianças da ONG Pão da Vida. A loja da Tamarineira, irá presentear 51 crianças da Associação Lar do Nenen e Lar Maná. Em Aracaju, serão presentadas 120 crianças do Instituto CUFA - SERGIPE. Na Bahia, serão presenteadas 391 crianças da ASSOCIAÇÃO DE AMIGOS DO AUTISTA DA BAHIA – AMA – BA e ASSOCIAÇÃO CRISTÃ DE AMPARO SOCIAL. Já em João Pessoa, serão presenteadas 540 crianças da Aldeias Infantis SOS e CASA PEQUENO DAVI. A ideia é que sejam presenteadas 1.636 crianças.

O Natal Solidário, que faz parte dos projetos de responsabilidade social da Ferreira Costa, estimula a solidariedade e incentiva a aproximação das crianças carentes com o lado mais lúdico do Natal. Além disso, os clientes conseguem conhecer mais sobre as instituições beneficiadas e podem se tornar futuros doadores de cada projeto.

terça-feira, novembro 23, 2021

Compesa regulariza ligações de água no Arruda

 

Equipes da Compesa finalizaram uma grande ação comercial de fiscalização do abastecimento no bairro do Arruda. Neste mês, foram mobilizados contratos de performance da Companhia para o desenvolvimento da iniciativa, que contou com cerca de 20 veículos, entre eles uma agência móvel de atendimento, e mais de trinta profissionais.

Cerca de 700 fiscalizações realizadas no bairro resultaram na regularização de 300 ligações clandestinas de água, evitando, assim, riscos e desperdícios causados pelas intervenções indevidas na rede de abastecimento. "Foi uma iniciativa muito relevante, especialmente do ponto de vista da retirada das ligações clandestinas, visto que o furto de água é uma ação criminosa e que prejudica a prestação do serviço à população", comentou o gerente de Unidade de Negócios da Compesa, Aprígio Trajano.

O gerente de Cobrança e Arrecadação da Compesa, Vitor Laranjeiras, ressaltou também a importância da iniciativa. "Ações como essa são muito relevantes para a Companhia, especialmente na perspectiva da manutenção do bom relacionamento entre os clientes e a empresa", destacou.

lmprensa Compesa

Sonhos, pesadelos, memórias e fantasia compõem Horizonte Submerso, espetáculo audiovisual que comemora os 25 anos da Confraria da Dança

 

O universo criativo do escritor Edgar Allan Poe,  do artista plástico Paul Klee e do desenhista, músico e cineasta Dave McKean inspiraram o novo espetáculo  da Confraria da Dança, que celebra seus 25 anos com a estreia de Horizonte Submerso, obra audiovisual que fica disponível para o público no Youtube da Confraria da Dança a partir do dia 29 de novembro de 2021, às segundas e terças, 21h, com acesso gratuito. A obra foi criada e é interpretada por Diane Ichimaru - que também assina direção artística, dramaturgia, figurino e criação das máscaras, Marcelo Rodrigues - que também assina o desenho de luz, Esio Magalhães, ator e palhaço convidado especialmente para esse projeto. Já a composição e execução da trilha musical é do compositor, arranjador e pianista Rafael dos Santos, também convidado especial que é parceiro de longa data do grupo, tendo assinado trilha de outros espetáculos. Com a Confraria da Dança, é a primeira vez que Rafael entra em cena junto com os bailarinos.

Além da temporada, está marcado também um bate-papo com os criadores do espetáculo mediado pela atriz e encenadora Veronica Fabrini por Zoom, no dia 30 de novembro, terça-feira, 21h30. Para participar, basta se inscrever por meio deste link. Veronica Fabrini é mestre em Artes pela UNICAMP, Doutora em Artes Cênicas pela USP, com pós-doutorado em Filosofia na Universidade de Lisboa. É professora do Instituto de Artes da UNICAMP desde 1991, nas áreas de poéticas do corpo, direção e atuação. Atua principalmente nos seguintes temas: atuação, performance, dança, teatro gestual, dramaturgia de cena e dramaturgia de imagem.

Os artistas referenciados para a criação de Horizonte Submerso aparecem na obra como inspiração para um submundo, um lugar reservado aos sonhos e as lembranças. Por assumir esse caráter, o espetáculo se divide em nove cenas fragmentadas, como quadros que se sobrepõem um ao outro. "Estabelecemos um diálogo entre os três artistas a partir de elementos encontrados em suas obras, como as cabeças bidimensionais sugeridas por McKean, os escritos poéticos do conto Berenice, de Edgar Allan Poe e a obsessiva reflexão sobre instabilidade e equilíbrio no universo em mosaico de Paul Klee", ressalta Diane Ichimaru. 

Os artistas que inspiraram a obra são de gerações e países diferentes, o que reforça a interseção da linguagem criativa produzida por eles, afinal todos estabelecem uma relação entre o real e o fantástico. São também artistas que discutem, em seus trabalhos, os impasses da dualidade, do sarcasmo, da realidade subjetiva e da abordagem sobre o tempo de um modo distorcido e fragmentado, atingindo muitas vezes o inconsciente. 

_________________________________

Edgar Allan Poe (1809 - 1849) foi um escritor norte-americano conhecido por seus contos sobre mistério, criando um novo gênero e estilo na literatura. Paul Klee (1879 - 1940) foi um artista plástico nascido na Suíça, mas de nacionalidade alemã. Sua obra extrapola os limites dos movimentos artísticos de sua época, dialogando livremente com o expressionismo, cubismo e surrealismo. Já Dave McKean (1963) é um artista contemporâneo inglês, desenhista de quadrinhos, ilustrador, cineasta e músico. Seu trabalho incorpora desenho, pintura, fotografia, colagem digital e escultura.

Horizonte Submerso explora a face oculta da natureza humana, os segredos esquecidos nos fundos das gavetas, os espaços angulosos recortados por luz e sombra. Os criadores-intérpretes adentram aos devaneios e distorções guiados pela pluralidade das obras inspiradoras e pelas possibilidades de intertextualidade entre as mesmas.

_________________________________

As cenas propõem reflexão em torno de questões como o tempo, a finitude, o equilíbrio, a instabilidade e a gravidade. Desse modo, o trabalho aborda problemáticas universais e extremamente atuais, como dilemas existenciais, a aceitação do contrário, a superação do medo e do desconhecido, o enfrentamento da morte e a convivência mútua entre o consciente e o inconsciente.

Para Diane e Marcelo, integrantes da Confraria da Dança, as colaborações dos dois artistas convidados (Esio Magalhães e Rafael dos Santos) proporcionam uma expansão da força dramatúrgica e do hibridismo entre movimento, palavra e música, características marcantes do repertório do grupo. Isso também contribuiu para que fosse criado um  jogo cênico de equilíbrio que traz elementos autobiográficos dos artistas, sobretudo suas lembranças da infância.

"Embebidos em autoironia, confrontamos nossos lados sombrios, sonhos e pesadelos, navegando entre os destroços da memória, avançando para o desconhecido à mercê da fantasia. Compomos nas cenas múltiplas camadas de ressignificação do espaço-tempo, confrontando a objetividade do mundo exterior com o mundo interior e subjetivo que move cada indivíduo", comenta o criador-intérprete Marcelo Rodrigues.


SERVIÇO

Horizonte Submerso

Temporada: De 29 de novembro de 2021 a 14 de dezembro de 2021, segundas e terças, 21h
Duração: 38 minutos
Classificação indicativa: Livre

Conversa com os criadores do espetáculo mediada por Veronica Fabrini

Dia 30 de novembro, terça-feira, 21h30 | Acesso pelo Zoom. 

É necessário se inscrever para a atividade por meio deste link

Carro da Vacina vai circular por mais sete localidades do Recife até o início de dezembro

 

A Prefeitura do Recife vai levar o Carro da Vacina para mais sete pontos da cidade até o início de dezembro. Nesta quarta-feira (24), por exemplo, o veículo circulará pelo entorno da Praça Dom Vital, na região onde fica o Mercado de São José, no centro da capital, com o objetivo de incentivar a população a se vacinar contra a covid-19. Desde seu lançamento, no último sábado (20), o projeto já contribuiu para que mais de mil doses fossem aplicadas em postos de vacinação montados nos locais onde a van tem transitado.

 

O veículo, caracterizado com a identidade visual do Plano Recife Vacina, conta com aparelho de som e arte-educador, que, de forma irreverente, faz performances que lembram outras iniciativas de apelo popular, como o “carro do ovo”. A ação funciona das 9h às 16h e já passou pelo entorno da Feira Nova de Afogados, pelas comunidades do Barbalho, na Iputinga, e de Roda de Fogo, nos Torrões, na Zona Oeste do Recife, e pelo Alto Santa Terezinha, na Zona Norte. Nesses locais, a população pôde tomar a primeira, a segunda dose ou a dose de reforço mediante apresentação de documento oficial com foto, sem necessidade de agendamento.

 

Além da Praça Dom Vital, ponto da ação desta quarta-feira, também serão visitados pelo Carro da Vacina, nos próximos dias, os bairros de Peixinhos, Caçote, Nova Descoberta, Casa Amarela, Imbiribeira e Ibura (veja a programação completa abaixo). Serão priorizados o entorno de mercados públicos, praças, centros comunitários e outras áreas com grande circulação de pessoas.

 

VACINAÇÃO ITINERANTE – Além de promover essa ação, a Secretaria de Saúde do Recife (Sesau) segue montando, a cada semana, postos itinerantes, onde a vacina também é aplicada sem a necessidade de agendamento. Mais de 100 localidades já foram beneficiadas por essa estratégia. Outra frente de atuação é nas escolas públicas estaduais e municipais. Desde o início deste mês, adolescentes de 12 a 17 anos estão sendo vacinados em seus locais de estudo, com autorização dos pais ou responsáveis. Até o momento, a Sesau já esteve em mais de 100 escolas e aplicou número superior a 5,1 mil doses. Em toda a cidade, o Plano Recife Vacina, iniciado em janeiro, contabiliza a soma de mais de 2,6 milhões de doses aplicadas.

 

 

Confira a programação do Carro da Vacina:

 

24/11 (quarta-feira) – São José

Ponto de apoio: Praça Dom Vital – São José

 

25/11 (quinta-feira) – Peixinhos

Ponto de apoio: USF Francisco Areias – Rua Faria Neves, s/n – Campo Grande

 

26/11 (sexta-feira) – Caçote

Ponto de apoio: Comunidade Chico Mendes – Rua Sindicato dos Vigilantes, 725 – Caçote

 

27/11 (sábado) – Nova Descoberta

Ponto de apoio: Mercado de Nova Descoberta – Av. Vereador Otacílio de Azevedo, 2311 – Vasco da Gama

 

29/11 (segunda-feira) – Casa Amarela

Ponto de apoio: Mercado de Casa Amarela – Rua Padre Lemos, 94 – Casa Amarela

 

30/11 (terça-feira) – Imbiribeira

Ponto de apoio: Comunidade Beira da Maré – Av. Sul Governador Cid Sampaio, 191 – Imbiribeira

 

01/12 (quarta-feira) – Ibura

Ponto de apoio: Sociedade Assistencial Princesa Isabel – Rua Rio Espera, 215 – Ibura


lmprensa Recfe 

Mostra de Teatro Musical Autoral “Arte É Progresso” anuncia venda de ingressos

 

Após temporadas de estreia e os desdobramentos que cada projeto teve, como as montagens internacionais de “Cargas D’Água”, o filme de “O Mágico Di Ó” e a versão para o streaming de “Bom Dia Sem Companhia”, essa será a primeira vez onde todos os espetáculos estarão em cartaz simultaneamente, durante um mês e no mesmo teatro.

Reunindo mais de 50 artistas nacionais, a ideia da mostra, produzida por Luiza Porto e Vítor Rocha através da Encanto Artístico e da Enxame Produções Culturais, é justamente ocupar os palcos - depois de muito tempo fora deles - com histórias brasileiras e destacar a importância de se produzir espetáculos autorais, que falem para e sobre o nosso povo.

Os ingressos serão vendidos presencialmente nos dias 27 e 28 de novembro, na bilheteria do Teatro Viradalata, em São Paulo, onde a mostra estará em cartaz. A venda acontecerá das 15h às 20h, com a participação dos elencos. Os ingressos individuais não darão direito ao convite físico, apenas o passaporte para os quatro dias. A venda online acontecerá a partir do dia 28 pelo site Sympla. A iniciativa também é uma forma de impulsionar a retomada do público às plateias.

Serviço:
Venda presencial no Teatro Viradalata (Rua Apinajés, 1387)
Dia 27 e 28/11 das 15h às 20h
O passaporte dá direito a um ingresso para cada peça (independente da data)
Valor R$160,00 (R$40,00 cada ingresso)
O ingresso individual também será vendido presencialmente
Valor R$60,00 (inteira) e R$30,00 (meia)

Vendas online pelo Sympla a partir do dia 28 de novembro, às 20h
Venda na bilheteria do Teatro Viradalata (sem taxa de conveniência) a partir do dia 28 de novembro, às 20h

Ponto de Venda sem Taxa de Conveniência:
Teatro Viradalata - Rua Apinajés, 1387 - Sumaré, São Paulo - SP
Informação: (11) 3868-2535

Horário de atendimento ao público:
sexta - das 19h até 22h

sábados - das 19h até 22h

domingos - das 17h até 20h

Cheftime dá descontos em planos de assinatura e kits gastronômicos para incentivar a preparação de receitas

 

Para aproveitar a semana Black Friday, Cheftime, marca de gastronomia do Pão de Açúcar, preparou duas promoções para quem quer surpreender na cozinha e preparar pratos incríveis com muita facilidade, para um almoço ou jantar especial com quem ama.

Até o dia 28/11, os clientes podem aproveitar 50% de desconto no primeiro pedido nos planos de assinatura de kits gastronômicos, aplicando o cupom: BLACKFRIDAY2021. O plano de assinatura funciona da seguinte forma: a cada semana os chefs da marca sugerem oito receitas novas e o cliente pode escolher quantas e quais deseja preparar. Em seguida, a marca entrega todos os ingredientes fresquinhos, na medida certa e com um passo a passo com fotos para que a experiência do cliente seja ainda mais incrível.

E já para quem quer ter um momento de chef pontual, pode contar com descontos de até 20% nos Kits Avulsos Cheftime, encontrados diretamente na seção de Avulsos do site. Estes kits são caixinhas que contam com todos os ingredientes que o cliente precisa para preparar pratos de restaurante como, Paella Valenciana, Risoto de Cogumelos, Hambúrguer de Costela, Bacalhau com natas, entre outros. Todos os kits podem ser adquiridos no site Cheftime (www.cheftime.com.br).

Participacti.pe.gov.br é o portal de construção coletiva da Estratégia de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco

A construção da Estratégia de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco 2023-2027 é uma ação coletiva, colaborativa e cidadã. Todos os segmentos da sociedade podem apresentar ideias e endossar as propostas submetidas de forma virtual, por meio do portal www.participacti.pe.gov.br.

O objetivo do portal é garantir que toda a população, além das instituições do Sistema Pernambucano de Inovação (SPIn), tenha a oportunidade de avaliar e contribuir com o documento que trará as diretrizes para as políticas públicas de CTI em Pernambuco nos próximos cinco anos.

O participacti.pe.gov.br expande o trabalho da Caravana da Inovação, evento itinerante que irá percorrer, até o início de dezembro, as 12 regiões de desenvolvimento do Estado, colhendo, in loco, as sugestões e críticas para estruturação da Estratégia de CTI.

A Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) estruturou um processo plural e acessível para que estudantes, universitários, pesquisadores, empreendedores, trabalhadores, profissionais autônomos, representantes dos setores produtivos e servidores, empregados e gestores públicos, municipais e do Estado, participem ativamente do planejamento de futuro de Pernambuco.

A Estratégia de Ciência, Tecnologia e Inovação para Pernambuco é o documento que tem guiado as ações de instituições de CTI do Estado, começando pelos órgãos vinculados à Secti, visando orientar as medidas a serem tomadas de forma articulada entre governo, empresas, Centros de Ensino Universitário e sociedade.

lmprensa SECTl PE

PCR abre inscrições para o segundo evento do Ciclo de Inovação Aberta do E.I.T.A! Recife

Nesta quarta-feira (24) acontece mais uma etapa do Primeiro Ciclo de Inovação Aberta da cidade, o Fórum com os Especialistas. O evento tem o intuito de promover a interação entre representantes da Prefeitura do Recife e comunidade, para debates e esclarecimentos de dúvidas sobre os desafios propostos nas áreas da Saúde, Infraestrutura, Esportes e bem-estar, Meio Ambiente e Desenvolvimento Social. O encontro será online, das 09h às 11h, e para participar, os interessados têm que se inscrever no https://www.e-inscricao.com/eitaRecife/forum. As inscrições para participar dos desafios do Primeiro Ciclo de Inovação Aberta seguem abertas até o dia 11 de dezembro. Os selecionados receberão premiação de até R$ 40 mil reais para desenvolvimento de soluções e possibilidade de contratação de até R$ 1.6 milhões de reais.

Para esclarecer sobre a saúde, no tema “Como podemos melhorar a qualidade dos encaminhamentos realizados pelos profissionais da atenção básica?”, foi convidado o médico da Família e Comunidade, Gustavo Sérgio de Godoy Magalhães; para falar sobre “Como podemos reduzir o índice de absenteísmo dos pacientes no comparecimento aos exames e consultas reguladas?”, o fisioterapeuta, Diego Freire de Lima Silva. Já para esclarecer sobre o desafio da Infraestrutura “Como podemos monitorar e identificar, de maneira escalável e em tempo real, os defeitos no pavimento das vias do Recife, trazendo agilidade no direcionamento dessas demandas aos órgãos competentes?”, estará online a diretora Executiva de Manutenção Urbana, Cíntia Rafaela Lima dos Santos.

Para explicar sobre o tema de Esportes, “Como podemos aumentar o número de praticantes de exercício físico, diminuindo o custo da inatividade física que impacta diretamente a saúde na cidade do Recife?”, o secretário executivo de Esportes, Gabriel Perrusi; e para falar de Meio Ambiente, “Como podemos estimular a colaboração dos cidadãos para solucionar diferentes tipos de poluições ambientais do Recife, trazendo equilíbrio ecossistêmico e bem estar social?”; o gerente de Geoprocessamento e Mudanças Climáticas, Marcos Francisco de Araujo Silva. Por fim, para tirar as dúvidas sobre o desafio na área de Desenvolvimento Social, “Como podemos diminuir a fome em nossa cidade de maneira escalável e sustentável?”, estarão presentes o Secretário Executivo de Transformação Digital, Rafael Figueiredo, e a secretária de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos, Juventude e Política Sobre Drogas (SDSDHJPD), Ana Rita Suassuna.

O 1º Ciclo de Inovação Aberta do Recife foi lançado no último dia 11 de novembro, e é uma iniciativa conjunta formada pelo comitê que engloba a Secretaria Executiva de Transformação Digital, Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do Recife e a Empresa Municipal de Informática (Emprel). A Inovação propõe um conjunto de condições especiais simplificadas para que pessoas e empresas possam juntos com a Prefeitura desenvolver modelos de negócios inovadores, testar técnicas e tecnologias experimentais para encontrar soluções de problemas públicos com ações inovadoras.

Com o lançamento da modalidade, a Prefeitura do Recife começou a colocar em prática o Marco Legal das Startups e do Empreendedorismo Inovador e passa a ser a primeira cidade do país a contratar soluções inovadoras, que promovem a competitividade das empresas do Brasil e do mundo, utilizando o Marco Legal das Startups.

Depois desse encontro com os especialistas, ainda há na programação três eventos: o Dia do Pitch, com mesa redonda de discussões; o Dia do Protótipo e o Dia das entregas dos MVPs. Para possibilitar que pessoas e empresas do mundo todo, ligadas à tecnologia, possam participar da licitação, os eventos ocorrerão no formato híbrido, online e presencial.



SERVIÇO-
Evento On-line: Fórum com os Especialistas
Data: 24 de novembro, quarta-feira
Horário: 9h às 11h


lmprensa Recife

Porto Digital concorre em programa nacional

O projeto pernambucano “Juventude Code: Clube de programação para jovens em situação de vulnerabilidade social”, idealizado pelo núcleo de gestão do Porto Digital, foi classificado para votação popular do programa Educar para Transformar. O edital, realizado pelo Instituto MRV, organização sem fins lucrativos, vai selecionar as cinco iniciativas mais votadas no Brasil.

Ao todo, 12 projetos de Organizações da Sociedade Civil (OSC) dos estados de Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia, Santa Catarina, Ceará e Pernambuco participam dessa etapa. Além de aporte financeiro de R$ 200 mil para cada vencedor, eles receberão capacitações e acompanhamentos, que contemplam comunicação, gestão, pessoas, comercial e social. Também serão disponibilizados os conteúdos do Instituto iungo, para auxílio no desenvolvimento dos professores, além de consultorias individuais e em grupo. Os projetos serão acompanhados de perto por um líder da equipe da MRV – esse profissional dará todo o suporte no desenho do planejamento estratégico, na execução e adaptação de cada atividade.

A iniciativa do Porto Digital pretende criar um clube de programação com 30 jovens da escola técnica da instituição e que vivem em vulnerabilidade social. O objetivo é desenvolver, por meio da aprendizagem baseada em problemas, o pensamento computacional deles e estimular que mapeiem e dificuldades existentes na comunidade do Pilar, no Bairro do Recife, e consigam criar soluções. Além disso, a ideia é que esse grupo também se torne multiplicador e possa disseminar o conhecimento e estimular o engajamento da região.

Após receber mais de 270 inscrições de projetos sociais de todo o país com foco na área da educação, o Instituto MRV dá continuidade a seletiva da 8ª edição do Educar para Transformar, o chamamento público de projetos da instituição, com a votação popular. Em seu site (www.institutomrv.com.br/nossos-pilares/educar-para-transformar/), o público pode conhecer em detalhes os projetos selecionados de acordo com critérios exigidos no edital e escolher as cinco propostas que serão monitoradas e apoiadas por dois anos pelo Instituto MRV. A votação popular será realizada até o dia 16 de dezembro.

Edição - No Educar para Transformar deste ano, o Instituto vai apoiar iniciativas que impactem positivamente o ambiente escolar nos mais diversos contextos, promovendo a escola como comunidade de aprendizagem e fortalecendo as práticas pedagógicas dos professores por meio das Metodologias Ativas, que destaca o estudante como protagonista do seu próprio aprendizado. 

Por isso, os projetos selecionados propõem desenvolver suas atividades com os professores e os estudantes das redes públicas de ensino fundamental II e médio, que juntos identificarão problemas na escola ou comunidade, buscando desenvolver soluções que gerem transformações efetivas e que estimulem aprendizados e mudanças culturais. 

O Instituto MRV também incentiva as OSCs a desenvolverem a estratégia da criação de um produto ou serviço, ou aperfeiçoarem algo já existente, que contribua com a captação de recursos para a própria organização, promovendo sustentabilidade financeira e maior autonomia para a continuidade de suas atividades. 

 Desde 2014, o Instituto MRV promove a transformação social por meio de iniciativas educacionais para crianças, jovens e educadores, e o Educar para Transformar é um de seus principais programas. Até 2020, as 7 edições passadas já tiveram 3.699 propostas inscritas, 46 projetos vencedores, 54 mil beneficiados diretamente, mais de R$ 3,2 milhões investidos.

Serviço 
Votação popular da 8ª edição do programa Educar para Transformar
Data da votação: até 16/12
Divulgação do resultado: 17/12

Cia. do Sopro estreia MEDEA com direção de Zé Henrique de Paula no Teatro do SESC Pompeia

Formada por Fani Feldman, Rui Ricardo Diaz, Plínio Meirelles, Osvaldo Gazotti e Antonio Januzelli a Cia. do Sopro, que tem em sua trajetória os espetáculos A Hora e Vez e Como Todos os Atos Humanos, convida Zé Henrique de Paula e um time de artistas, para levar à cena MEDEA do dramaturgo inglês Mike Bartlett (mesmo autor de “Love, Love, Love”, “Contractions” e “Bull”). O referido autor é um dos mais ousados dramaturgos da geração emergente da Europa, e a versão desse clássico grego, suscita reflexões acerca da condição da mulher nos dias de hoje.

Com tradução de Diego Teza, a peça tem no elenco Fani Feldman (Medea), Daniel Infantini (Jasão), Juliana Sanches (Pam), Maristela Chelala (Sarah), Plínio Meirelles (Andrew) e Bruno Feldman (Nick Carter). MEDEA estreia presencialmente no Teatro do SESC Pompeia dia 26 de novembro, às 21h, faz 3 únicas apresentações e segue para temporada online de 29 de novembro a 7 de dezembro.

Ao adaptar este clássico grego, Mike Bartlett transporta o território e a realidade originais da Grécia antiga a um terreno suburbano localizado em um conjunto habitacional, análogo aos bairros que bordejam as áreas centrais de cidades grandes ao redor do mundo. E o faz não por mera similaridade, nem tampouco para assegurar a fruição do espectador com artifícios referenciais deste tempo, mas para tratar de matérias próprias da contemporaneidade, sem que, por conta disso, perca de vista o alicerce mitológico que respalda sua obra.

Bartlett reloca o mito ao presente e se desvia do tecido dramático original, revelando, desse modo, particularidades imprevistas, rumores inéditos e problemáticas exclusivas do modus operandi deste nosso tempo. Revisita a fábula, os arquétipos e suas potências e os recondiciona num jogo disposto em um tabuleiro não mais coletivizado, como é próprio da Grécia antiga. As condições agora estão circunscritas pela lógica particular, individualista e degradante, capaz de tornar ainda mais complexo o emaranhado de vetores que fabricam a tragédia de Medea.

“Em tempos tão alarmantes e retrógrados como os que estamos vivendo, nos quais as chagas sociais pululam a olhos vistos, não há dúvida de que a tragédia grega está absolutamente presente na sociedade moderna assim como esteve na Grécia antiga, mas, para além da manutenção das linhas de força que conduzem o mito, na obra composta por Bartlett há evidências contemporâneas prementes que necessariamente estão consideradas nesta empreitada”, conta Fani Feldman, atriz do espetáculo.

“O estado geral desta Medea agrega condições análogas às de eventos, cotidianamente assistidos por muitos de nós, que tendem a terminar de modo trágico. São pungentes, nesse caso ainda mais, por não ocorrerem num palácio real com uma visão panorâmica da paisagem circundante, mas dentro dos limites de um ambiente suburbano, cotidiano e coalhado de tensões subjacentes e normatizadas”.

“A mulher de nosso tempo é atuante nas diversas esferas da realidade, mas tem seu espaço ainda subjugado pelas forças contrárias à emancipação efetiva de seus direitos e lugar de fala. É por esta vereda e seus meandros que a Cia do Sopro investiu seu intento e elegeu esta Medea, como uma potência radical capaz de refletir sobre o estado de coisas da condição atual da mulher”, conclui.

Procuradora do Estado tem tese aprovada com louvor no Congresso da Anape


A procuradora do Estado de Pernambuco Dayana de Moura Borges teve tese aprovada com louvor no XLVII Congresso Nacional dos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal (CNPE), que está sendo realizado em Brasília. Aberto oficialmente na noite da segunda-feira (22/11), o evento conta com a participação de vários integrantes da Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco (PGE-PE), incluindo o procurador-geral Ernani Medicis.

A programação do congresso inclui conferências, palestras, reuniões temáticas dos segmentos de atuação das Procuradorias e apresentações de teses sobre as mais variadas temáticas que são submetidas à avaliação de procuradores relatores.

Atuando na Procuradoria da Fazenda Estadual, a procuradora Dayana apresentou, por videoconferência, tese sobre “O papel da advocacia pública na elaboração e implementação das políticas públicas: o necessário diálogo com o conceito de Justiça Fiscal e com o Estado democrático de direito”. Aprovado com louvor, o artigo teve relatoria do procurador Lucas Soares Oliveira, da PGE-SP.

Já a procuradora do Estado Mirca de Melo Barbosa e o procurador do Estado Izac Oliveira de Menezes Júnior, ambos da Procuradoria do Contencioso, atuaram como relatores de teses. Mirca Barbosa relatou dois trabalhos: “Direito fundamental à educação e a política pública de assistência estudantil”, assinado pelo procurador Carlos Antonio Araújo Monteiro (PGE-SE), e “A proteção da maternidade e à infância como direito fundamental social e o exercício da atividade periculosa por empregadas grávidas e/ou lactantes”, da procuradora Amanda Bezerra de Almeida (PGE-SP).

Izac Menezes foi relator do artigo “A comunicação jurídico-digital do contexto da covid-19 e a proposta da visual law”, de autoria do procurador Bruno Rabelo dos Santos (PGE-PR).

EVENTO – Promovido pela Associação Nacional dos Procuradores dos Estados e Distrito Federal (ANAPE), com a colaboração de todas as associações estaduais, o CNPE está em sua 47ª edição e vai até quinta-feira (25/11). Este ano o tema central do evento é "Advocacia Pública: Direitos Fundamentais e Políticas Públicas". Confira programação completa aqui.

lmprensa PGE

Paulinho BP é a atração da Praça Musical desta quinta

 

A Praça Musical do Camará Shopping, em Camaragibe, receberá nesta quinta-feira (25), o cantor Paulinho BP. O evento acontece na Praça de Alimentação, Piso L3, das 19h às 21h.

Há mais de 20 anos no mercado, Paulinho nos palcos é conhecido por tocar MPB, com inspirações de Reginaldo Rossi, Roberto Carlos, Benito di Paula, entre outros. Para a apresentação desta quinta, o cantor pretende explorar esse gênero. “As músicas são as melhores canções da MPB. Nós vamos fazer uma viagem no mundo dos grandes cantores da música brasileira que vai de Djavan, Jorge Vercilo, Belchior a outros”, afirma.

Paulinho já cantou na Praça Musical neste semestre e retorna para fechar as apresentações de novembro. “É maravilhoso ter a sensação de compartilhar esta alegria com todos que estiverem presentes, e mais uma vez sou grato ao shopping pelo convite”, agradece o cantor.

Além disso, ele já desenvolveu diversos trabalhos ao longo dos anos. “Já passei por diversas bandas de forró, de baile, e tantos outros ritmos. Porém a mais importante na minha carreira, que foi o início de tudo, foi a Banda Maia aqui de Camaragibe, que todo mundo conhece aqui dentro e fora da cidade”.

O cantor também possui músicas autorais e pretende surpreender o público com elas nesta quinta. Para o próximo ano, Paulinho espera continuar nos palcos. “Desejo me apresentar novamente com o Camará e também lançar meu projeto de gravar um trabalho com cantoras amigas”, relata.

Olinda promove mutirão de cirurgias para zerar fila de catarata

 

Com o objetivo de promover uma saúde melhor aos olindenses, o prefeito Professor Lupércio anunciou que as três clínicas (IMEPE, Seope e Clinope) conveniadas com a Secretaria de Saúde do município, semanalmente estarão promovendo 250 cirurgias de catarata. O objetivo da iniciativa é diminuir até janeiro a relação dos pacientes cadastrados para o procedimento cirúrgico no município.
 
Dentro da estratégia, os pacientes já regulados devem procurar a clínica oftalmológica onde tem cadastro para obter mais informações sobre o procedimento.

 O município está ofertando os exames pré-operatórios como os laboratoriais e parecer cardiológico para a realização da cirurgia.

lmprensa Olinda 

SAMU Solidário

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192) da Prefeitura do Recife já está recebendo as doações para a 11ª edição do Samu Solidário. Este ano, além dos brinquedos, as equipes do órgão também pedem a arrecadação de alimentos não perecíveis. Os donativos serão distribuídos para cerca de 220 crianças de diversas instituições. Os presentes devem ser entregues na sede do Samu Recife, localizada na Av. Manoel Borba, 951, Boa Vista, das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira.

A equipe do Samu Recife seguirá um rigoroso protocolo desde o recebimento das doações até a entrega das mesmas às instituições. Os profissionais utilizarão equipamentos de proteção individual e manterão o distanciamento recomendado.

É imprescindível que, na hora da entrega dos presentes, as pessoas estejam utilizando máscaras. E, assim como no ano passado, quem estiver de carro pode também poderá fazer as doações no esquema drive-thru, sem a necessidade de descer do veículo. As medidas de prevenção também servirão para quem for a pé.

Além disso, todas as doações serão deixadas em quarentena, em um espaço reservado. Os brinquedos e alimentos também serão sanitizados, antes do dia da entrega às crianças. Este ano, novamente em função da pandemia da covid-19, a entrega dos presentes será feita em esquema de delivery pela equipe do Samu Recife. Outras informações podem ser obtidas no telefone 3355-7450.

lmprensa Recife 

 

Cia Articularte apresenta o espetáculo de sombras Histórias Pintadas dentro do projeto Biomas Cadentes

E se de repente o mundo começar a girar ao contrário? Assim começam as aventuras e desventuras de um moço que vai fazer de tudo para tentar resolver os problemas que estão acontecendo com a natureza que ficou tão irritada. Nessa caminhada pelos seis cantos da terra, o personagem vai se deparar com animais, pessoas diferentes, terras estranhas e seres fantásticos esquecidos. 

Histórias Pintadas, por Dario Uzam:

A ideia de desenvolver uma peça de teatro com o nome Histórias Pintadas surgiu a partir da existência de muitos contos populares ou folclóricos que envolvem onças, conhecidas também como animais misteriosos e surpreendentes. Sob o signo das onças, diversas histórias indígenas e sertanejas já foram criadas e transmitidas oralmente através de várias gerações, envolvendo noções de imaginário, perigo e crendices, entre variadas outras metáforas.

No campo dos contos populares, quase tudo é possível, desde pequenos acontecimentos banais, até eventos de certa forma “milagreiros”, tal é a força desses contos de onças difundidos pelo memorial, dentro de lendas e costumes populares.Nossa história é narrada por uma onça aos seus pequenos filhotes. A onça conta histórias “pintadas” sobre terras distintas (no caso, biomas), bem como possíveis ações apressadas ou desenfreadas de homens que podem acabar resultando em reações robustas vindas da natureza bruta como respostas.

Contamos de forma teatral para o público infanto-juvenil as andanças de um personagem que se chama Moço, que recebe um chamado para cumprir uma trajetória urgente. Tudo começa quando o personagem e o seu querido boi Buriti apostam uma corrida e acabam pisando no rabo de uma onça (mítica ou ancestral). A partir daí, o mundo se ressente, estremece e começa a girar ao contrário. Surgem relâmpagos sem chuva, secas surpreendentes, estiagens inesperadas, além de estouros de barragens, entre outros acidentes, causados por descuidos ou falta de planejamentos. 

O personagem tenta ajudar a consertar o mundo à sua volta e, nas suas andanças, acaba conhecendo mais de perto outras realidades. Assim o Moço se relaciona com pessoas e animais, diante de suas mazelas. E acaba sofrendo uma transformação que lhe traz um novo olhar sobre o convívio com todos os seres e biomas.

Em nossa história teatral, o personagem Moço carrega um Berrante, representando o legado da amizade afetiva entre o animal e o homem. O berrante significa um instrumento sonoro antigo e agregador, com o poder de reunir, organizar, conduzir e agregar. Berrantes podem ser ouvidos até três quilômetros de distância, tal o seu poder de comunicação. É também um instrumento que carrega o signo de permanência e presença no campo, como aliado de uma jornada ou causa de importância.

O personagem Moço pode representar novas tendências e ações, além possibilidades de novas atitudes. E a sonoridade “mágica” do seu berrante que ajuda a consertar as mazelas da terra - pode sugerir novos respiros ou atitudes mais humanas. 

Dentro dos nossos biomas nada está sozinho, tudo está interligado e cada ação pode repercutir na vida ou no sistema de cada animal, planta ou paisagem. E o homem faz parte de tudo isso. A convivência nessa biodiversidade incrível pode estar cheia de surpresas, tanto positivas como negativas.

A natureza se renova a um simples comando consciente representado aqui pelo som do berrante. Em nossa história, pisar no rabo de uma onça tem o significado metafórico de agressão desmedida diante da natureza.

Ficha técnica 

Elenco: Surley Valerio, Tânagra Andria e William Lobo.Direção e Texto: Dario Uzam. 

Bonequeiras: Surley Valerio e Thaís Uzan.Iluminação: Eric Valerio.Produção: Cia. Articularte – Teatro de Bonecos.Site: www.articularte.com.br.Crédito de Fotos: Dario Uzam

Locais e Cidades (12) apresentações – Transmissão: www.facebook.com/cia.articularte/live_videos/ 01 Peça de Teatro de Sombras – Histórias Pintadas (20 min).01 Oficina de Teatro de Sombras (15 min).1) 28/11/21 – 17h – 27º Festival de Artes de Itu. 2) 02/12/21 – 15h – Atibaia/SP – Secretaria da Cultura.2) 03/21/21 – 13h30 – Guaraçaí/SP – Escola – Secretaria da Educação.3) 09/12/21 – 15h - Americana/SP – Secretaria da Educação e Cultura.4) 14/12/21 – 15h – Itapira/SP – Secretaria da Cultura.5) 30/11/21 – 15h – CEU PERA MARMELO (aniversário e festividades).6) 01/12/21 – 14h30 - Biblioteca Villa-Lobos - BVL7) 01/12/21 – 15h30 – Biblioteca São Paulo = BSP.8) 02/12/21 – 09h30 e 13h30 – Associação Sal da Terra (02 sessões).

9) 08/12/21 – 10h e 14h30 – Projeto Quixote – (02 sessões). Vila Mariana.