Sabores da Tia Val

Sabores da Tia Val
Encomendas pelo Direct do lnstagram

WTF? Translate here!

terça-feira, julho 20, 2021

Programa de empreendedorismo vai capacitar 250 famílias das comunidades do território estratégico de Suape

 

Duzentos e cinquenta famílias em situação de vulnerabilidade social serão contempladas com o programa Suape Incentiva, projeto de Inclusão Socioprodutiva lançado, na manhã desta terça-feira (20), no auditório do centro administrativo da estatal portuária, em parceria com o Sebrae-PE. Em consequência da pandemia do novo coronavírus, o evento contou com a participação de apenas cerca de 30 pessoas, seguindo todos os protocolos sanitários vigentes no Estado.

O lançamento do programa, que faz parte das ações socioambientais da empresa, contou com a participação do secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Geraldo Julio; do presidente de Suape, Roberto Gusmão; do superintendente do Sebrae-PE, Francisco Saboya; além de vários deputados estaduais, prefeitos e lideranças comunitárias da região. O curso e as oficinas a serem ministrados pelo Sebrae terão como ênfase o protagonismo feminino e dos jovens, para o fomento socioeconômico dos participantes e de seus familiares.

O convênio tem vigência de 24 meses e contemplará, entre outras ações, 50 oficinas para desenvolvimento e sustentabilidade de pequenos negócios locais em comunidades do território estratégico de Suape. Moradores de oito municípios serão contemplados com o Suape Incentiva: Cabo de Santo Agostinho, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes e Moreno, na Região Metropolitana do Recife; e Sirinhaém, Rio Formoso, Escada e Ribeirão, na Zona da Mata Sul.

“Mais que uma oportunidade de geração de renda, o programa Suape Incentiva quer reforçar o pertencimento das pessoas em relação à comunidade. Estimular o empreendedorismo, com foco em oportunidades e demandas locais, representa mais que um novo negócio ou um ganho econômico para as pessoas ou para a cidade. Trata-se de mostrar caminhos de inserir as pessoas economicamente a um contexto social que elas já participam. Esse programa quer entregar exatamente isso no território de Suape. Fazer essa população vulnerável se sentir cada vez mais parte do processo onde vivem”, pontua o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Geraldo Julio.

O diretor-presidente de Suape, Roberto Gusmão, salienta que o lançamento do programa reforça o compromisso da empresa com a sustentabilidade das comunidades do território estratégico do complexo industrial e portuário. “É mais uma iniciativa alinhada com as melhores práticas de governança e de compromisso social, em consonância com os indicadores da plataforma ESG (Environmental, Social and Governance, sigla em inglês), que busca não somente medir as boas práticas ambientais, como também o apoio ao desenvolvimento social da região e o crescimento econômico sustentável”, explica.

O diretor de Meio Ambiente e Sustentabilidade da estatal portuária, Carlos Cavalcanti, acrescenta que os projetos socioambientais em andamento visam, também, melhorar a qualidade de vida das pessoas em situação de vulnerabilidade social em sintonia com os 17 ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável). “Vamos apoiar a qualificação dessas famílias, para ajudá-las a se empoderarem e a se capacitarem para trabalharem da melhor forma possível, garantindo o seu sustento e ampliando seu empreendedorismo socioprodutivo”, ressalta.

Para o líder comunitário Edelfan Pedrosa, da Nova Vila Claudete, no Cabo de Santo Agostinho, o programa chega em boa hora. “Temos grande expectativa de ampliação e melhoria do nosso trabalho para que as famílias que vivem diretamente da coleta de reciclagem possam ter uma adaptação de vida melhor e entender a transformação digital do mundo. Os trabalhos socioambientais que Suape vem realizando ajudam bastante as pessoas das comunidades”, comenta.

OFICINAS - "A parceria com o Complexo de Suape vem fortalecer a atuação do Sebrae na região, levando conhecimento e capacitação para transformação da realidade das comunidades do entorno do complexo. A atuação será com empreendedores, empresários, jovens e mulheres que almejam fazer mudanças significativas na vida e nos negócios. O projeto terá foco de impacto social”, afirma o superintendente do Sebrae-PE, Francisco Saboya.

Serão ofertados diversos cursos sobre empreendedorismo, como mentoria de gestão de negócios, orientações para acesso à linha de crédito oferecida pelo Sebrae e assistência técnica para implantação de novos negócios. Na primeira etapa, o Sebrae-PE fará diagnóstico preliminar dos arranjos produtivos existentes na região. Em seguida, a instituição definirá o formato das capacitações e as comunidades contempladas, para abertura das inscrições.

lmprensa Suape

Nenhum comentário:

Postar um comentário