Sabores da Tia Val

Sabores da Tia Val
Encomendas pelo Direct do lnstagram

WTF? Translate here!

sábado, dezembro 12, 2020

Segundo curso ofertado em programa federal atende jovens da Funase em Arcoverde

 

Em menos de um mês, dois cursos ofertados pelo programa Acessuas Trabalho, do Governo Federal, atenderam adolescentes do Case/Cenip Arcoverde, unidade da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) no Sertão do Estado. Após uma experiência bem-sucedida com a temática de Educação Ambiental, realizada em novembro, a segunda turma teve início nesta semana, desta vez, abordando o tema Artesanato em Couro. Ambos os cursos são do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-PE).

 

O conteúdo está sendo ministrado dentro das instalações da Funase, com previsão de término na próxima sexta (11). Ao todo, dez alunos estão participando das atividades, atendendo aos protocolos sanitários de prevenção ao novo coronavírus. No fim do curso, que é eminentemente prático, os socioeducandos estarão aptos a produzir utensílios como bolsas e carteiras de forma artesanal.

 

As tratativas para a oferta do curso profissionalizante foram feitas por meio do contato entre a equipe do Case/Cenip Arcoverde e técnicos responsáveis pelo Acessuas Trabalho no município. O programa tem financiamento federal e é executado pelas prefeituras. A inserção de adolescentes da Funase nesse tipo de oficinas está contando com articulações da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ) de Pernambuco, por meio da Secretaria Executiva de Assistência Social.

 

A coordenadora geral do Case/Cenip Arcoverde, Paula Cibelle, avalia que o fluxo estabelecido entre os entes governamentais tem sido fundamental para o sucesso dessa iniciativa, que ocorre no âmbito do Sistema Único de Assistência Social (Suas). “O programa é federal, é executado pelos municípios e está atendendo adolescentes sob responsabilidade do Estado de Pernambuco. Ou seja, é um conjunto de esforços que está buscando se articular com o objetivo de capacitar profissionalmente esses jovens”, afirma.


lmprensa Funase

Nenhum comentário:

Postar um comentário