quarta-feira, 19 de agosto de 2020

Homem morre em supermercado, mas as vendas continuam

O promotor de vendas Manoel Moisés Cavalcante (foto ao lado), de 59 anos, estava trabalhando em um supermercado da Rede Carrefour, na última sexta-feira (14) no Recife quando sentiu-se mal e morreu em pleno ambiente de trabalho. O corpo do trabalhador foi coberto com tapumes e guarda-sóis  enquanto a movimentação no supermercado transcorria normalmente... Cavalcante não era funcionário do Carrefour, mas de uma fornecedora do centro de compras e em exames recentes não apresentava quaisquer problemas de saúde. Ele foi sepultado no último sábado, em Igarassu. O supermercado, em nota oficial, lamentou o ocorrido e pediu desculpas à família do funcionário. O advogado Pedro Josephi anunciou em redes sociais que o deputado federal Tulio Gadelha (PDT-PE) denunciou o caso ao Ministério Público do Trabalho.





Nenhum comentário:

Postar um comentário