Sabores da Tia Val

Sabores da Tia Val
Encomendas pelo Direct do lnstagram

segunda-feira, julho 05, 2021

Mutirão de primeira dose contra a Covid-19 beneficia quem trabalha na socioeducação

 

Um mutirão realizado nesta segunda-feira (5), no Recife, teve o objetivo de garantir a aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 em funcionários que trabalham no sistema socioeducativo. Esse grupo vem sendo imunizado desde o fim de maio, após autorização do governador Paulo Câmara para a extensão da vacinação a todas as pessoas e categorias profissionais dos grupos prioritários do Plano Nacional de Operacionalização (PNO) do Ministério da Saúde. Até o momento, 76,15% dos servidores da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) já receberam ao menos uma dose do imunizante em todo o Estado.

A aplicação das vacinas ocorreu no Ambulatório Recife, no bairro do Bongi, por meio de articulação do Eixo Saúde da Funase junto à Secretaria Estadual de Saúde. Essa mobilização buscou atender funcionários que não puderam tomar a vacina em maio e em junho por estarem em período de afastamento devido a férias, licença ou sintomas de Covid-19. Nos outros municípios, onde também já houve vacinação voltada ao sistema socioeducativo, as gestões das unidades da Funase estão sendo orientadas sobre a necessidade de articulações com as equipes de saúde locais para atender quem não pôde se vacinar em um primeiro momento.

O secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude de Pernambuco, Sileno Guedes, explica que o alcance do público que está ou que trabalha em sistemas de privação de liberdade é algo que historicamente costuma ocorrer em campanhas de vacinação. “Neste momento, duas campanhas estão atendendo o público da Funase: a da Covid-19 e a da gripe, com o devido intervalo entre as doses. A proteção à saúde dessas pessoas e da população em geral é algo de grande importância social. Agradecemos aos profissionais de saúde da Funase e das equipes estaduais e municipais de saúde pelo esforço em tornar isso realidade”, afirma.

lmprensa Funase PE

Nenhum comentário:

Postar um comentário