quarta-feira, março 17, 2021

Festival Coquetel Molotov será lançado em formato de revista digital

 

O Festival No Ar Coquetel Molotov.EXE, com data de estreia marcada para o dia 29 de março, será lançado de uma forma inusitada. Em formato de Revista Digital, o Moloto.EXE traz apresentações inéditas, oficinas, masterclasses e o cantor e compositor Thiago Pethit (foto), o pianista Vitor Araújo, a performer e coreógrafa Flavia Pinheiro e a curadora independente Paulete Lindacelva são os primeiros nomes confirmados na programação.

 

Somam-se a eles os trabalhos de AfroitoAurora JameloBabi Jaques e LasserreDJ IncidentalDJ PunnyEvelli EllerHanni PalecterInaê SilvaJEANKleber de OliveiraMatheus de BezerraMayara, Okado do Canal e RENNA, artistas pernambucanos selecionados via convocatória online.

 

“O formato de revista digital é algo que sempre amei. Quem conhece a nossa história, sabe que começamos com um programa de rádio e logo em seguida com um zine e revista impressa. O conteúdo está ficando incrível e um pouco mais experimental. Isso ainda vai se desdobrar em mais coisas legais que não posso contar ainda. Muito animada”, comentou Ana Garcia, diretora do festival.

 

Atrações - De São Paulo, Thiago Pethit marca sua participação ministrando um vídeo/oficina em que ensina técnicas de preparação, respiração e expressão corporal para apresentações em público. Com quatro discos lançados, ele  tem formação em teatro e atuou em diversos espetáculos teatrais além do cinema (em 2016, estrelou como o protagonista Diego no primeiro longa-metragem dirigido por Vera Egito, Amores Urbanos).

 

A dançarina Flavia Pinheiro com um vídeo/performance inédito em parceria com Francisco Baccaro. Seus trabalhos envolvem o corpo em movimento em relação a diferentes dispositivos. Flavia tem uma bagagem extensa na dança. Formada em Artes Cenicas na UFPE, a coreógrafa ainda fez mestrado em História da Arte na UNSAM (Universidad de San Martin/ Argentina) e é pós - graduada em Arte Visuais-Linguagens Artísticos Combinados no UNA (Argentina). Em 2016/17 foi premiada com a Bolsa Funarte para Formação em Artes Cênicas, estudando no Centre Nacional de la Danse CND/Pantin na França.

 

Já Vitor Araújo lançará uma vídeo-performance original, realizada em parceria com o cineasta pernambucano Pedro Maia de Brito, vencedor do prêmio do júri de melhor filme no último Festival de Brasília. O trabalho foge radicalmente aos moldes das "Lives" tão presentes durante a pandemia e versa tanto sobre o ato de compor quanto sobre as propriedades que uma música pode ter para se transformar, se reciclar e se reproduzir em novas composições. 

 

Paulete Lindacelva é curadora independente, DJ, artista visual e apresentadora. Sua pesquisa se interessa por questões raciais, desobediência de gênero e políticas de afirmação. Em 2019 criou o programa de rádio Mote, além de apresentar desde 2020 o webshow Manas e Monas. O Mote é um espaço que promove a reflexão, a partir de questões filosóficas e um olhar contemporâneo, sobre a arte e a cultura, fazendo ainda um mergulho nos processos criativos de cada convidado. Para o Coquetel Molotov.EXE ela bate um papo com a convidada artista/curadora/pesquisadora Yná Kabe Rodríguez.

 

O Coquetel Molotov. EXE é um projeto contemplado pela Lei Aldir Blanc em edital realizado pela Secretaria de Cultura de Pernambuco e conta com patrocínio do Prêmio Funarte Festivais de Música 2020, parceria da Mídia Ninja, S.O.M., Abrafin e realização da Coda Produções. A curadoria desta edição tem como convidada especial a pesquisadora audiovisual e produtora cultural Libra Lima. 

 

Coquetel Molotov.EXE

Lançamento da revista digital: 29 de março

www.coquetelmolotov.com.br 

GRATUITO

Mais informações: contato@coquetelmolotov.com.br 

Nenhum comentário:

Postar um comentário