segunda-feira, abril 05, 2021

Festival Durante

 

Como o artista se relaciona com seu próprio corpo e quais as associações políticas existentes nesta conexão. Este era um dos motes do evento happening “Do corpo à Terra", que foi parte da Semana de Vanguarda de 1970, importante evento homenageado agora na 11ª edição do Festival “Durante,” criado por Cesco Napoli, Luan Nobat e outros artistas, em Belo Horizonte. 

 

Em 2021, a mostra acontece totalmente virtual, entre 8 e 12 de abril de 2021, por meio do site www.festivaldurante.com.br. A curadoria é dos artistas Paulo Nazareth, Shima e Camila Buzelin, com coordenação da pesquisadora Yacy-Ara Froner. As mesas e debates estarão disponibilizadas nas redes sociais do festival. 

 

“O “Durante,” sempre promoveu uma aproximação de artistas e público em geral. Público não especializado, público que desconhece todos os meandros que acontecem no, muitas vezes, elitizado mundo da arte. Na 11ª edição, o “Durante,” faz uma homenagem ao “Do Corpo à Terra”, um evento ocorrido em Belo Horizonte na década de 1970. Nós selecionamos 12 performances do Brasil inteiro para que esses artistas, em diálogo com “Do Corpo à Terra”, pudessem não só rememorar esse evento emblemático mas também atualizá-lo, neste momento extremamente simbólico que estamos vivendo, quando a história está acontecendo aos nossos olhos, durante o “Durante,”. Duremos”, diz Cesco Napoli.


Foram mais de 170 inscrições, de todo o Brasil e com trabalhos de diversas áreas e expressões artísticas, boa parte de Minas Gerais. O pré-requisito era de que os vídeos de performances deveriam, de alguma forma, dialogar com o mote do “Do corpo à Terra”. Valem trabalhos anteriores que se aproximem do evento homenageado ou trabalhos confeccionados a partir desta convocatória.

 

Na ocasião do “Do Corpo à Terra” o corpo tropical emergia como um canal de comunicação e participação. Em 2021, nessa edição do “Durante,”, a proposta é pensar a relação do corpo com a terra, evocar a memória artística das cidades e provocar esse desafio que a pandemia nos trouxe: tentar transpor a tactibilidade do corpo para o dispositivo eletrônico.

 

Entendendo que a arte brasileira não cabe nas narrativas que dominam a história da arte, a convocatória teve como mote inicial a seguinte provocação: Como eu me relaciono com meu próprio corpo? Quais as implicações políticas desta relação? Em que medida o happening “Do corpo à Terra" antecipa um olhar decolonial? 

 

Para dialogar com essa provocação curatorial, as performances Cura Senhor Onde Dói, de Daniel Bretas (Belo Horizonte / MG); Depil(ação), de Pedrosa Camilo (Contagem/ MG); Edi_t – Uma Ginástica Autobiográfica Fragmentada em Vários Selfies, de Ciber_Org (Belo Horizonte / MG); Ex-tinto, de Rodrigo Augusto de Souza Antero (Belo Horizonte/MG); Meu Rabo, de Mamutte (Belo Horizonte); ViDa TeRrEnA NãO IdEnTiFiCaDa, de Nanaue (Belo Horizonte / MG) - todas de artistas mineiros - foram selecionadas para se apresentarem ao público do Durante, nesta edição tão singular da história mundial.


Serviço

Festival “Durante,”

De 8 a 12 de abril de 2021

www.festivaldurante.com.br

 

Dia 8 de Abril de 2021

19h - Mesa de Abertura 

Convidados: Francesco Napoli, Yacy Ara Froner e Marília Andrés Ribeiro

Mediação: Michelle Barreto

Transmissão pelo canal do  Youtube do Festival Durante

21h - Conversa com artistas

Conversa com os artistas selecionados que exibirão obras no Festival: Ciber_Org (Belo Horizonte / MG), Mamutte (Belo Horizonte/ MG), Nanaue (Belo Horizonte / MG)

Transmissão via Instagram do Festival Durante

 

Dia 9 de Abril de 2021

19h - Mesa: Itinerário Crítico 

Convidados: Ana Cecília Soares + Guilherme Bueno + Rita Lages 

Mediação: Francesco Napoli 

Transmissão pelo canal do  Youtube do Festival Durante

21h - Conversa com artistas

Conversa com os artistas selecionados que exibirão obras no Festival: Aline Luppi Grossi (Maringá-PR), Pedrosa Camilo (Contagem/ MG) e Lívio (Crato/CE)

Transmissão via Instagram do Festival Durante

 

Dia 10 de Abril de 2021

19h - Lançamento e Audição Comentada do álbum do Coletivo nMUnDO

Participantes: Barulhista, Camila Buzelin, Francesco Napoli e Michelle Barreto

Transmissão pelo Zoom  (Link a ser disponibilizado no dia através das redes do Festival Durante)

21h - Conversa com artistas

Conversa com os artistas selecionados que exibirão obras no Festival:

Dona Conceição (Alvorada/RS), Roberta Pereira de Miranda (Goiânia/GO), Rodrigo Antero (Belo Horizonte/MG)

Transmissão via Instagram do Festival Durante

 

Dia 11 de Abril de 2021

 

19h - Lançamento do e-book

Participantes: Yacy-Ara Froner + Sandra Makowiecky (Diretora da Associação Brasileira de Críticos de Arte

Mediação: Francesco Napoli

Transmissão via Instagram do Festival Durante

21h - Conversa com artistas

Conversa com os artistas selecionados que exibirão obras no Festival: Luna Recaldes (São Paulo/SP), Daniel Bretas (Belo Horizonte / MG) e Clara de Clara (Sorocaba/SP)

Transmissão via Instagram do Festival Durante

 

Dia 12 de Abril de 2021

19h - Mesa: Do Corpo à Terra 50 anos depois 

Convidados: Celso Favaretto e Maria Angélica Melendi 

Mediação: Yacy-Ara Froner  

Transmissão pelo canal do Youtube do Festival Durante

21h - Conversa com Manfredo Souzanetto

Transmissão via Instagram do Festival Durante

23h - Tropofonia especial Do Corpo à Terra 

Transmissão ao vivo via Rádio UFMG Educativa (104,5 FM) e pelo site https://www.ufmg.br/online/radio/arquivos/002140.shtml

 

Projeto contemplado pelo Edital 16 Expresso Lei Aldir Blanc (Lei 14.017/2020), através do Governo Federal, operacionalizada, em Minas Gerais, a partir do trabalho de todo o Sistema Estadual de Cultura, formado pela Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Secult), Empresa Mineira de Comunicação (EMC – Rede Minas e Rádio Inconfidência), Fundação Clóvis Salgado (FCS), Fundação de Arte de Ouro Preto (Faop) e pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG).

 


Nenhum comentário:

Postar um comentário