Podcast Tais Paranhos

segunda-feira, fevereiro 24, 2020

Abertas inscrições para a 13ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos

A 13ª Mostra Cinema e Direitos Humanos acaba de abrir as inscrições para trabalhos audiovisuais criados a partir de 2017. A mostra tem previsão de exibição em maio e junho de 2020. A Mostra é uma ação de promoção da educação e da cultura em Direitos Humanos por meio do audiovisual, com apresentação de filmes sobre o tema.

Uma das novidades este ano é que as obras serão exibidas por meio de plataforma própria de vídeo on demand, além da reprodução de DVDs que compõem o Circuito Difusão. Os trabalhos audiovisuais inscritos não possuem restrição quanto à duração, gênero ou suporte de captação e finalização, mas devem ter sido finalizadas a partir de 2017 e cuja temática contemple aspectos relacionados aos Direitos Humanos, como:


Direitos das pessoas com deficiência;
Direitos da população LGBT/enfrentamento da LGBTfobia;
Memória e verdade;
Liberdade religiosa;
Direitos de crianças, adolescentes e juventude;
Direitos de pessoas idosas;
Direitos da população indígena;
Direitos da população negra;
Direitos da população em situação de rua;
Direitos das mulheres;
Direitos Humanos e segurança pública;
Proteção aos defensores de Direitos Humanos;
Direito à participação política;
Combate à tortura;
Situação prisional;
Democracia e Direitos humanos;
Saúde mental e juventude;
Cultura e educação em Direitos Humanos;
Corrupção e direitos humanos;
Direito à vida;
Conservação ambiental.


Inscrições

As inscrições podem ser feitas de forma rápida por meio deste formulário online até 15 de março de 2020. Além disso, também é preciso enviar uma cópia assinada, junto com uma cópia em DVD do filme, para:

13ª Mostra Cinema e Direitos Humanos
Fundação Rádio e Televisão Educativa de Uberlândia
Av. João Naves de Ávila, 2121. Bairro Santa Mônica. CEP: 38408-144
Bloco 1S – 2º Andar.



Realização
A Mostra é realizada pelo Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos (MMFDH) e a Secretaria Nacional de Proteção Global e do Governo Federal brasileiro, com produção da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEXC) e da Fundação Rádio e Televisão Universitária de Uberlândia, por meio de sua produtora de conteúdo ARCO Produções e das emissoras TV Universitária e Universitária FM de Uberlândia.