terça-feira, 1 de setembro de 2020

CTTU prorroga validade de credenciais de estacionamento especial

Para garantir a mobilidade de pessoas idosas, com deficiência ou mobilidade reduzida, a Prefeitura do Recife, por meio da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), adiou o prazo de renovação das credenciais das pessoas cujos documentos perderam a validade a partir de 1 de fevereiro de 2020. A credencial poderá ser utilizada até o dia 31 de janeiro de 2021 e, dessa forma, os cidadãos não precisarão realizar o atendimento presencial na sede da CTTU. A medida foi tomada para prevenir a transmissão da Covid-19.

Para emissão de novas credenciais, serão priorizados os cidadãos que completaram 60 anos durante a pandemia e dos que não têm credencial. A CTTU orienta que o cidadão realize um cadastro no site da CTTU (cttu.recife.pe.gov.br), no ícone "estacionamento especial", à direita da tela e, depois, envie o número do protocolo do cadastro pelo e-mail credencialcttu@gmail.com. Além disso, para os idosos, é necessário enviar, em anexo, documento de identificação e comprovante de residência que não seja conta de telefone móvel. Para as pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, além desses documentos, deve ser enviado o laudo médico atualizado e, para as gestantes, um laudo médico que informe a data prevista do parto. O atendimento do órgão entrará em contato para emitir o documento respeitando os protocolos de distanciamento social. O serviço é válido apenas para cidadãos residentes em Recife.

O atendimento presencial na sede da CTTU está suspenso desde a última quinzena de março, quando a transmissão comunitária do coronavírus foi identificada. Agora, mesmo com mais de 100 dias de redução de casos, o órgão mantém a cautela devido ao público desse serviço, que é, majoritariamente, grupo de risco. Nenhum cidadão será prejudicado ao utilizar a credencial vencida porque os agentes de trânsito já foram orientados quanto à prorrogação da validade das credenciais, entretanto, para estacionamento em vaga especial, é necessário utilizar o documento, ainda que fora do prazo.

Imprensa Recife

Nenhum comentário:

Postar um comentário