sexta-feira, 27 de março de 2020

Segurança Urbana de Olinda apresenta resultado de ações de prevenção ao Coronavírus

A Secretaria de Segurança Urbana de Olinda divulgou o balanço das ações para cumprimento do Decreto Estadual 48.832, assinado pelo governador Paulo Câmara no último dia 19. Até o momento, foram 34 estabelecimentos comerciais não essenciais fechados. No ramo de alimentação, as equipes da pasta fecharam 23 lanchonetes e 18 bares.

Num primeiro momento, por ser fim de semana, as equipes concentraram esforços nos 9km da orla de Olinda, fiscalizando ambulantes, restaurantes e aglomerações de pessoas, que insistiam em utilizar os espaços como lazer - o decreto liberava apenas para a prática de esportes - nas praias dos Milagres, Bairro Novo e Rio Doce.

De acordo com a Secretaria, os restaurantes da Avenida Ministro Marcos Freire (Beira Mar) estavam funcionando como orientava o decreto, apenas no serviço de entregas (delivery). Treze comerciantes informais tiveram que suspender suas atividades, além de quatro quiosques fechados.

Além da fiscalização, um carro de som da Secretaria de Comunicação também circulou para orientar as pessoas. A Guarda Municipal também utiliza dois drones para sobrevoo em áreas comerciais, que funcionam como direcionador para as equipes.

Confira todas as ações em números:

- Comércio ambulante na Praia – 28 ambulantes foram orientados e proibidos de exercerem atividade comercial na praia;

- Quiosques fechados na praia: 6;

- Orientações em casa lotéricas: 12 estabelecimentos:

- Orientações e cessação de atividades de mototáxi: 16 pontos;

- Estabelecimentos comerciais fechados: 34

- Lanchonetes fechadas: 23

- Barbearia fechada: 4

- Bancas de jogo de bicho fechadas: 11

- Salões de beleza fechado: 4

- Bares fechados: 18

- Espetinhos fechados: 6


Imprensa Olinda

Nenhum comentário:

Postar um comentário