sábado, 15 de setembro de 2018

Uma criança censurada pelo regime militar

Essa "fofuxa" em cima de uma cadeira em pleno estúdio da TV Excelsior talvez nem tivesse ideia da história que estava escrevendo. Com apenas três anos, a pequena Ana Lourdes de Oliveira era ninguém menos que a criança mais nova a gravar um disco em todo o mundo (o recorde anterior era da italiana Rita Pavone, que gravara seu vinil aos cinco anos e até hoje está na ativa). A canção Sonho de Criança tinha uma letra que falava em liberdade, em pleno ano de 1964, e acabou sendo censurada nas rádios da época e cinco anos depois, ela não poderia mais cantar em público e muitas de suas gravações se perderam nos arquivos da vida (a própria TV Excelsior foi fechada em 1970). Ainda assim, Ana Lourdes chegou a ganhar prêmios pelo seu pioneirismo. Hoje ela tem 56 anos, é dramaturga, escritora, poetisa, atriz e multiterapeuta e assina como Lou de Olivier. Veja a seguir o vídeo com fotos da época e a gravação original. 


Um comentário:

  1. Agradeço pela publicação. Estou divulgando nas minhas redes.
    Abraços, Lou de Olivier (Ana Lourdes de Oliveira)
    Para saber mais sobre minhas atuais pesquisas e publicações, por favor, acesse meu portal: https://www.loudeolivier.com.br/ e o site
    http://empoderadadobrasil.com/

    ResponderExcluir