Sabores da Tia Val

Sabores da Tia Val
Encomendas pelo Direct do lnstagram

sábado, abril 24, 2021

Agricultores de São João e Lagoa do Ouro comemoram recebimento de sementes

 

“As sementes entregues hoje vão melhorar muito o roçado de muita gente”, a frase é do agricultor Manoel José Gomes, presidente da Associação dos Produtores Rurais de São João, no Agreste de Pernambuco. O Instituto Agronômico de Pernambuco através da Secretaria de Desenvolvimento Agrário entregou na última quinta-feira (22), no município 13.700 quilos de sementes, sendo 1.500 quilos de sorgo, 9.200 quilos de feijão e 3.000 quilos de milho.

A entrega foi realizada durante o lançamento do Programa Campo Novo. Participaram da cerimônia o Presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco, Kaio Maniçoba, o prefeito do município, Wilson Lima, o deputado Federal, Eduardo da Fonte, o presidente da Juventude Progressista, Lula da Fonte e o gerente do DEAT – Departamento de Assistência Técnica do IPA, Maviael Fonsêca, além dos extensionistas locais, Azarias de Assis, Mayrkon Correia, Joseval Assis e Josias Gomes.

À tarde, a entrega foi realizada em Lagoa do Ouro. No município foram entregues 6.500 quilos de sementes, sendo 1.000 quilos de sorgo, 500 quilos de feijão e 5.000 quilos de milho. Neste primeiro momento, no Agreste, serão entregues 20.200 quilos de sementes de sorgo, feijão e milho. Ainda de acordo com presidente do IPA, Kaio Manoçoba, as sementes irão beneficiar mais de mais de 3.400 agricultores na região.

O presidente do IPA ressaltou também os esforços do Governo de Pernambuco em manter o Programa Campo de nova brilhante. “Mesmo diante da pandemia, o Governo de Pernambuco e a SDA mantêm o compromisso de apoiar a Agricultura Familiar, mantendo a distribuição de sementes, observando as normas de segurança sanitária e a entrega no período da quadra chuvosa do Sertão”, explica o presidente do IPA, Kaio Maniçoba.

Ao todo, para o Agreste, serão distribuídos 355.410 quilos de sementes, beneficiando em torno de 60 mil famílias de agricultores familiares do Agreste Central, Agreste Meridional e Agreste Setentrional. Serão 259.310 quilos de sementes de milho, 50.000 quilos de sementes e sorgo e 46.100 quilos de sementes de feijão.

Nos dois municípios do agreste o deputado Eduardo da Fonte e o presidente da Juventude Progressista Lula da Fonte anunciaram tratores e máquinas retroescavadeiras para fortalecer a agricultura familiar das localidades. Em todo o estado, foram investidos R$ 1.984.935,00 no Agreste e R$ 2.376.800,00 no Sertão, totalizando R$ 4.361.735,00. No Sertão, foram distribuídas, em fevereiro, 385.000 quilos de sementes milho, e 124.000 quilos de sorgo, contemplando o Sertão de Itaparica, Jatobá, Moxotó, Central. São Francisco e Araripe. Foram beneficiadas cerca de 85 mil famílias de agricultores familiares.

Criado em 2019, o Programa Campo Novo tem como foco a entrega das sementes exatamente no início da quadra chuvosa, permitindo o plantio durante esse período no Semiárido do Estado. Só no ano de 2020, o programa distribuiu 75 toneladas de sementes de sorgo, que permitiu o cultivo de 7.500 hectares de sorgo forrageiro, produzindo cerca de 337 mil toneladas de matéria verde.

lmprensa lPA

Nenhum comentário:

Postar um comentário