domingo, março 20, 2022

Mãos na Berlinda

 

A tecnologia veio para nos ajudar, ser uma aliada em nosso dia a dia. Mas, como em qualquer circunstância, tudo de mais se torna um "veneno". Pessoas que utilizam as mãos no trabalho são as que mais sofrem com incômodos, entre elas, estão os digitadores, designers, programadores, profissionais de rede social, jornalistas e mesmo adolescentes e crianças, que normalmente ficam, hoje em dia, muito em frente às telas.

Com esse uso muito frequente da internet e dos celulares, aqueles que passam esse tempo usando tablets e celulares, estão apresentando mais frequentemente a tendinite na mão, devido à repetição dos movimentos e uso contínuo dos aparelhos.

Quem sofre com a tendinite na mão costuma apresentar um conjunto de sintomas que são típicos da doença sendo o mais comum deles a dor na mão. Esse incômodo costuma se concentrar na região onde fica o tendão, mas, pode irradiar para os músculos que ficam ao redor aumentando a sensação.

O inchaço, ardor e formigamento também são bastante comuns e a fraqueza para realizar movimentos pode surgir em alguns casos. Quando existe a movimentação da musculatura e dos tendões é possível que os sintomas fiquem mais fortes e dificultem no dia a dia das atividades de trabalho e pessoais.

“Se perceber que os sintomas se fazem presente por alguns dias, é indicado que se busque ajuda médica, pois, dessa forma poderá ser feito um diagnóstico preciso e iniciar um tratamento”, afirma o presidente da SBOT-PE - Sociedade de Ortopedia e Traumatologia de Pernambuco, Eduardo Queiroz (foto).

O mais comum é que se trate a tendinite na mão com repouso, compressas frias e anti-inflamatórios. O uso de próteses para imobilização também pode ser indicado evitando que o paciente faça movimentos e venha afetar os tendões já comprometidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário