segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Festival Rap de Vitrine neste sábado

Festival Rap de Vitrine agita o Recife no próximo sábado (29), com uma maratona de rap, trap e música eletrônica, a partir das 16h, no Bailito. O evento traz para a cidade, atrações consagradas da cena, à exemplo do cearense Matuê (foto ao lado), Sant (RJ), Rubico (PE), Groove DJs (SP - foto maior), NexoAnexo, Don Erre x Flip R1, MK1 e oColetivo BoiKOT (PE).

Um dos maiores nomes da cena trap nacional, Matuê é o “trapstar” do momento. Com uma ascensão meteórica na carreira, o artista chega a fazer mais de quatro shows por fim de semana e seus clipes chegam rapidamente na casa do milhão de visualizações.

Celebrado por suas músicas de cunho crítico que tratam de seu cotidiano e experiências vividas, Sant é uma das revelações do Hip Hop. Reconhecido por sua maturidade e conteúdo de suas letras, atua no rap desde os 16 anos. Apesar da pouca idade, é caracterizado por letras que falam muito sobre uma adolescência conturbada e uma vida cheia de problemas familiares. Também é membro do 'O mundo ao Norte“, coletivo de MC’s, produtores e DJ’s da Zona Norte do Rio de Janeiro, que para além da música, realiza eventos, oficinas, lançamentos de livros e outras atividades que incentivam a cultural hip hop local.

Cantor e compositor recifense, Rubico entrou na cena musical da cidade, com um jeito diferente de fazer som. Buscando equilibrar alta tecnologia, com baixa tecnologia, o músico inova trazendo de volta o sentimento “orgânico” de se ouvir rap. Seu primeiro álbum, “Paralisia do Sono”, conta com 12 faixas e pode ser ouvido através do Spotify. Com o single “Go up”, Rubico, tornou-se o primeiro cantor a lançar um clipe de rap em 3D, noBrasil. Cidadão Instigado, Novos Baianos, Cidade Verde Sounds, Vibrações, Rasta, Pink Floyd, Daft Punk, Russ, Eminem, Kanye West, Daniel Caesar, Caetano Veloso, Ney Matogrosso e o próprio Chico Science, são algumas das suas referências musicais.

Nascido da necessidade coletiva de viver experiências que agregam entretenimentos e evolução pessoal, o Coletivo BoiKOT é uma plataforma de intervenções e conceitos “visionários” como permacultura e bioconstrução (relação harmônica entre humanos e a natureza), integração entre linguagens culturais, vida em comunidade (cooperação) e utilização da arte enquanto instrumento social e espiritual. Surgiu em 2011 e já realizou mais de 30 eventos e festivais em diversos estados do País.

O Rap de Vitrine é realizado em parceria com o selo Groove Urbano (SP), projeto musical black & rap, realizado mensalmente as quartas feiras, no Club 88. Conhecido por fomentar a cena rap campineira, o Groove já recebeu artistas como Flora Matos, Fernandinho Beatbox, Dryca Rizzo, Familia Mada, Haikaiss, Black Alien,ConeCrew, DJ Nyack, KL Jay, DJ Hum e diversos outros.

Além de uma maratona com mais de 12 horas de shows, o Rap de Vitrine oferece estrutura que abriga Exposição de Artes, Live paiting, Slackline, Flash Tattoo, Food park, Espaço Lounge e diversos outros serviços que poderão ser vivênciados pelo público.

O evento ainda conta com apresentações dos recifenses NexoAnexo, Don Erre X Flip R1, MK1, Synstezuk, The Mouse, Bharg, Fabio Leal e Indigo.

Os ingressos para o Rap de Vitrine custam R$ 50 (Segundo Lote) e estão disponíveis no Espaço Somos (Rua da Aurora), Fervo Coffe Shop (Boa Viagem), Dahora Smoke Shop (Espinheiro), Living Skate (Boa Viagem) e através do site Byma.

SERVIÇO:

Festival Rap de Vitrine

COM Matuê, Sant, Groove Urbano (SP), Rubico, BoiKOT, NexoAnexo, Don Erre X Flip R1, MK1, Synstezuk, The Mouse, Bharg, Fabio Leal e Indigo

SÁBADO (29), a partir das 16h, no Bailito, Rua Carlos Gomes, 390, Prado, Recife

INGRESSOS: R$ 50 (Segundo Lote)

INFORMAÇÕES: (81) 9 9886.9901


Nenhum comentário:

Postar um comentário