quinta-feira, abril 28, 2022

Temporada do espetáculo “Deslenhar” continua nesse fim de semana no Recife

 

O Teatro Miçanga voltou aos palcos com o espetáculo “Deslenhar”, em apresentações gratuitas no Recife e em Camaragibe, no último fim de semana. O espetáculo segue temporada até o dia 18 de junho e acontece em espaços alternativos com encerramento no Teatro Marco Camarotti, em Santo Amaro, zona central do Recife. O grupo ainda oferecerá, no mesmo teatro, uma oficina gratuita ao final do projeto, no dia 18 de junho, das 13h às 19h. Para participar, o interessado precisa enviar uma solicitação de inscrição para o e-mail teatromicanga@gmail.com, a partir do dia 4 de junho. A oficina artística é aberta para todas as pessoas e vai abordar a improvisação e uso da literatura em cena. O espetáculo tem 45 minutos de duração e possui classificação livre.

Vale ressaltar que as apresentações acontecem dentro de todos os protocolos sanitários estabelecidos pelo Governo de Pernambuco, e que a temporada possui o incentivo do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura - Funcultura PE.

O espetáculo “Deslenhar” estreou em 2018, e é uma peça inspirada no conto "A Fogueira", do escritor moçambicano Mia Couto. Utilizando-se da poesia, música, dança e humor, o espetáculo conta a história da vida de Dona Eterninha e de Seu Perpétuo, personagens que dividem amores, alegrias e tristezas, bem como o confronto com a iminência da morte.

A história tem início quando seu Perpétuo percebe a dura necessidade de cavar a cova de sua esposa, ainda viva. A contação se desdobra, com delicadeza, sobre a vida dos personagens. “Na história de Seu Perpétuo, somos transportados para um tempo em que ele era jovem e observamos um homem que, diante de uma vida difícil, inventa histórias e diverte os filhos. É um espetáculo que nos lembra da preciosidade do tempo e de cada momento que vivemos”, revela a diretora e também atriz, Amanda Pegado.

Todo o grupo, formado por Amanda Pegado, André Alencar, Fernando Rybka e Geraldo Monteiro, atua e assina a dramaturgia, direção, iluminação e sonoplastia do espetáculo. O figurino é assinado por Maria Agrelli e a produção é do Coletivo Enlace, de Bárbara Souza e de Camila Mendes.

Teatro Miçanga - Criado em agosto de 2016, a investigação do grupo se pautou na utilização da literatura não-dramática, no ator-narrador e na ocupação de espaços alternativos. Deslenhar é o primeiro espetáculo do grupo, que teve a sua estreia em abril de 2018, fez três temporadas, participou de quatro festivais e foi contemplado com a ocupação do Centro Cultural Banco do Nordeste, em Fortaleza. O segundo trabalho do grupo, “Tão de Perto”, é um espetáculo virtual, nascido durante a pandemia, que estreou na plataforma Zoom, em janeiro de 2021.




PROGRAMAÇÃO

ABRIL

30/04 - 19h30 - Centro de Educação e Cultura Daruê Malungo - Rua Passarela, 18-A, Chão De Estrelas – Recife/PE




MAIO

07/05 - 19h30 - Casarão Das Artes - Rua Travessa Tiradentes, 122– Recife/PE

14/05 - 19h30 - Centro de Capoeira São Salomão - Rua Amaro Gomes Poroca, 267 – Várzea – Recife/PE

20/05 - 19h30 - Compaz Ariano Suassuna - Av. Gen. San Martin, 1208– Recife/PE

27/05 - 19h30 - Compaz Eduardo Campos - Av. Aníbal Benévolo, S/N – Alto Santa Terezinha – Recife/PE




JUNHO

*Essas apresentações contam com intérprete de Libras

04/06 - 19h30 - Compaz Miguel Arraes - Av. Caxangá, 653 – Recife/PE

18/06 - 20h - Teatro Marco Camarotti - Rua Treze De Maio, 455 – Recife/PE




FICHA TÉCNICA

Elenco: Amanda Pegado, André Alencar e Fernando Rybka

Atriz intérprete de Libras: Patrícia Albuquerque

Dramaturgia, encenação, iluminação e sonoplastia Teatro Miçanga

Figurino: Maria Agrelli

Produção: Coletivo Enlace (Bárbara Souza e Camila Mendes)

Produções locais: Geraldo Cosmo, Vilma Carijós, Michel Gomes e Izabel Cordeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário