Sabores da Tia Val

Sabores da Tia Val
Encomendas pelo Direct do lnstagram

quarta-feira, junho 30, 2021

Biodiversidade das Unidades de Conservação do Recife é retratada em livro, vídeo e exposição fotográfica

 

A beleza das 25 Unidades de Conservação da Natureza da cidade do Recife foram retratadas em livro, vídeo e exposição fotográfica. As três obras, produzidas pela Prefeitura do Recife, através da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SMAS), estão disponíveis para acesso gratuito no site da SMAS (http://meioambiente.recife.pe.gov.br/). O evento de lançamento aconteceu nesta quarta-feira (30) de forma virtual e contou com a participação de autores das obras e do secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Carlos Ribeiro.

Para o gestor Carlos Ribeiro, as três publicações são um marco inédito e uma oportunidade de conhecer a riqueza e a importância ecológica da fauna e da flora do Recife como espaços para a manutenção da biodiversidade.

“Acreditamos que a leitura e a consulta destas obras sejam de interesse tanto para profissionais, pesquisadores e especialistas das ciências naturais, como também para professores e estudantes de diversas áreas e níveis de ensino, que queiram conhecer de forma mais aprofundada a biodiversidade do Recife. É interessante ainda aos moradores do entorno das UCNs, admiradores da natureza, praticantes de atividades em áreas verdes, observadores de espécies e ambientes naturais, fotógrafos e para a população em geral. A oportunidade de melhor conhecer a riqueza e a importância ecológica da fauna e da flora do Recife nos faz reconhecer ainda mais a relevância das Unidades de Conservação como espaços para a manutenção da biodiversidade e da qualidade”, avalia Ribeiro.

Erica Vidal, chefe das UCNs de Recife, reforçou a relevância das obras para educação ambiental. “Todos esses produtos lançados hoje são instrumentos importantes para a educação ambiental, de construir um olhar e ver a cidade do Recife também como um espaço de natureza. Essas obras são um canal para reconectar o vínculo do recifense com a natureza, alimentando o pertencimento ambiental e tornando as pessoas mais conscientes do seu papel com o cuidado com o meio ambiente”, falou Érica.

Participaram também do evento os autores do livro “Biodiversidade das Unidades de Conservação do Recife”, Maíra Braga, Sandra da Luz e Marcelo Sobral, além de Ana Carolina Lins, do departamento de biologia da UFRPE responsável pelo prefácio da obra. “Este livro é um elemento que alicerça o caminho sobre o qual a gestão da biodiversidade pode ser feita. A obra não só qualifica as áreas protegidas da cidade, como também lista, detalha e ilustra as espécies notáveis de fauna e flora que ali ocorrem. Por isso, passa a figurar como leitura obrigatória dos gestores, pesquisadores e interessados em geral na biodiversidade e conservação na cidade do Recife. É uma ferramenta de divulgação científica de poder abrangente, a ser acessada e experimentada pela população da cidade, que nessas páginas descobrirá o quão biodiverso é o espaço recifense”, afirma Ana Carolina Lins.

O livro “Biodiversidade das Unidades de Conservação do Recife” é uma publicação de caráter técnico-científico que visa contribuir para a ampliação do conhecimento, para o estímulo à pesquisas e à educação ambiental, a partir da difusão de informações sobre a fauna e a flora encontradas nos diversos ecossistemas das Unidades de Conservação da Cidade. Construído e revisado por pesquisadores da área ambiental, representa um ineditismo para o marco do estado atual de conhecimento sistematizado sobre a biodiversidade das UCNs do Recife. O conhecimento da fauna e da flora do Recife torna possível reconhecer ainda mais a relevância das UCNs como espaços para a manutenção da biodiversidade e da qualidade de vida da população, beneficiada pelos elementos da natureza através de seus serviços ambientais. Está disponível gratuitamente para download através do link http://meioambiente.recife.pe.gov.br/sites/default/files/midia/arquivos/pagina-basica/ebook_biodiversidade_das_ucns_do_recife.pdf e no site da Editora Itacaiúnas (https://editoraitacaiunas.com.br/).Também vai compor o acervo de bibliotecas digitais de instituições de pesquisa e de organizações sociais ligadas à temática ambiental.

A exposição fotográfica intitulada “Recife: olhares sobre a cidade-natureza”, oferece ao público uma oportunidade de conhecer detalhes sobre a fauna, a flora e as pessoas que interagem diretamente com as Unidades de Conservação da Natureza (UCN) do Recife. A exposição demonstra um recorte das UCNs a partir dos olhares dos técnicos que trabalham para a conservação e proteção destes patrimônios socioambientais. Foram registradas nas UCNs 1.705 espécies florísticas e 853 de animais das quais pode-se encontrar espécies nativas, exóticas, endêmicas e em perigo de extinção. A exposição mostra um olhar especial para as criaturas da natureza, trazendo uma valorização dos ambientes protegidos e uma reflexão indo da complexidade dos ecossistemas a simplicidades das flores, sem esquecer o contexto educativo e econômico dessas áreas. A exposição pode ser conferida através do link: https://sites.google.com/recife.pe.gov.br/recifenatureza/contexto ou pelo site da SMAS.

O vídeo “Recife Natureza”, proporciona às pessoas um passeio poético sobre a biodiversidade do Recife, conduzindo ao seu conhecimento, encantamento e sensibilização sobre a importância do cuidado com essas áreas da cidade. Evidencia os ambientes naturais existentes na capital pernambucana, protegidos pelas Unidades de Conservação da Natureza (UCNs), despertando na população a importância de sua conservação, a partir de seu (re)conhecimento, valorização e pertencimento. O vídeo foi construído a partir de imagens capturadas nas expedições técnicas da equipe que trabalha para preservação e conservação destes lugares e pode ser utilizado como instrumento de educação ambiental. O vídeo será divulgado nas redes sociais da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (@recifesustentavel e @jardimbotanicorecife).


lmprensa Recife

Nenhum comentário:

Postar um comentário